Em destaque

25 de Abril de 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9,0449 patacas e 1,1156 dólares norte-americanos.

 

Júlio Morais faz balanço positivo de 10 anos em Pequim
Quinta, 23/07/2015

O actual Embaixador de Cabo Verde em Pequim vai deixar o cargo a 25 de Agosto. Júlio Morais assumiu estas funções durante dez anos e, agora, na hora de despedida fala de um objectivo cumprido.

 

“Dez anos na vida de uma pessoa e na vida de um diplomata, como é o caso, como primeiro Embaixador na China, de facto acabam por marcar. Eu vim com termos de referência bem precisos de montar uma agenda de cooperação económica com a china. Essa agenda actualmente está consolidada e começamos a ter os resultados, precisamente agora com a assinatura deste projecto”, afirmou ontem o diplomata. Júlio Morais falava à margem da cerimónia da assinatura do contrato entre o governo de Cabo Verde e a Macau Legend Development para a construção de um resort integrado no país africano.

 

O Embaixador diz que uma das apostas tem sido a deslocação de agentes económicos e empresários a Cabo Verde para conhecer a realidade local. Neste momento está a ser preparada mais uma visita a Cabo Verde de “uma missão empresarial chinesa que irá com objectivos bem concretos na área da economia marítima e da aviação civil”, revelou.

 

Júlio Morais deixa Pequim a 25 de Agosto, regressando ao Ministério dos Negócios Estrangeiros de Cabo Verde. Júlio Morais vai ser substituído por Tânia Romualdo, que assume funções a 1 de Setembro.