Em destaque

18 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.20602 patacas e 1.1314 dólares norte-americanos.

Revista de imprensa de Macau e Hong Kong (Terça-feira)
Terça, 21/07/2015

Revisão eleitoral, lei dos animais na Assembleia Legislativa e as preocupações da Unesco face aos novos aterros preenchem os temas das manchetes da imprensa portuguesa.

 

Jornais de Macau em língua chinesa

O Ou Mun destaca em manchete a proposta de protecção de animais em discussão na Assembleia Legislativa e diz ainda que donos de animais vão ser responsabilizados por ataques eventuais a humanos.

 

Já o Va Kio embora saliente o mesmo assunto, refere a pena de até um ano de prisão constante na proposta prevê para abusos dos animais.

 

Canal chinês da Rádio Macau

Esta manhã, a Ou Mun Tin Toi a entregar grande parte da emissão ao temporal que está a fustigar Macau, nesta terça-feira, e também a prestar atenção ao anúncio de alteração da lei eleitoral feito pela secretária da Justiça.

 

Jornais de Macau em língua portuguesa

O Ponto Final entrega o destaque da edição aos pedidos de esclarecimento do Chefe do Executivo a três deputados eleitos em 2013 numa lista onde houve compra de votos. O jornal diz ainda que há deputados a favor de um ano de prisão para punir mais tratos.

 

Este tema ocupa parte da capa do Hoje Macau embora a manchete seja dedicada à revisão da lei eleitoral. “Combate limpo” é o título em referência ao anúncio da secretária da Justiça.

 

Já o Jornal Tribuna de Macau opta pela manchete relativa às preocupações da Unesco sobre os novos aterros e a construção em altura. Em destaque ainda a história de uma antiga residente de Macau que esperou 60 anos para resgatar as cinzas do pai.

 

 Jornais de Macau em língua inglesa

O Macau Daily Times destaca, na manchete, a posição da Anima sobre as novas penas para abusos de animais ao passo que a grande fotografia da edição de hoje remete para uma “nova era” nas relações entre Cuba e os Estados Unidos.

 

O Business Daily entrega a gorda às questões da Segurança Social. “Fundo da Segurança Social na corda bamba”. O jornal faz as contas e explica porque é que, neste momento, o fundo está longe de ser sustentável e revela os alertas lançados, a este propósito, do Fundo Monetário Internacional.

 

O Macau Post fala de animais. “Proposta de lei prevê responsabilização dos donos dos animais por eventuais ataques a humanos”.

 

Jornais de Hong Kong em língua inglesa

O South China Morning Post publica na primeira página uma foto dos efeitos do temporal em Hong Kong e ainda a história de um surto de fungos nos lençóis do hospital Queen Mary. O jornal fala ainda da descoberta pela polícia de um alegado ataque terrorista na província de Hebei.

 

O Standard fala da história, com imagens, dos surfista  Mick fanning atacado por um tubarão na àfrica do Sul.

 

O China Daily entrega a foto ao reatamento de relações ao nível de embaixada das diplomacias norte-americana e cubana. Na primeira surge ainda uma notícia de economia. “Mercado de equidades continuam a recuperar”.