Em destaque

22 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.20 patacas e 1.13 dólares norte-americanos.

Revista de Imprensa de Macau e Hong Kong (Quarta-feira)
Quarta, 01/07/2015

O principal tema da imprensa local é a proposta de alteração à lei de prevenção e controlo do tabagismo, com a proibição total do tabaco nos casinos e a actualização dos valores das multas. As derrapagens orçamentais no projecto do metro de Hong Kong estão em todos os jornais da região vizinha.  

 

Jornais de Macau em língua chinesa

 

O Ou Mun destaca a proposta de alteração à lei de prevenção e controlo do tabagismo. O diário titula que, de acordo com a nova redacção, quem fumar em locais onde seja proibido vai ser sancionado com uma multa de 1500 patacas.

 

O Va Kio também olha para o mesmo tema. O jornal indica ainda que, nos casinos, avança a proibição total do tabaco.

 

Canal chinês da Rádio Macau

 

O canal chinês da Rádio Macau tem centrado atenções na proibição total do tabaco nos casinos e na actualização dos valores das multas. Esta manhã, o programa Fórum contou com a participação de responsáveis do Corpo de Polícia de Segurança Pública. Um dos temas abordados foram os problemas no trânsito.

 

Jornais de Macau em língua portuguesa

 

O Hoje Macau escreve “fumo cercado”, para dar conta de que a “maioria dos deputados” parece estar de acordo com a proposta do Governo sobre a proibição total do tabaco. O jornal olha ainda para o projecto de requalificação do Hotel Estoril. “Fachada em aberto” lê-se na edição desta quarta-feira.

 

O Jornal Tribuna de Macau nota que o Governo “avança mesmo com proibição do fumo”. No destaque fotográfico está a “espectacular exposição” de Kate Ao, na Fundação Rui Cunha. A artista quer “inspirar paixões”.

 

O Ponto Final diz que o Governo foi “inamovível” na alteração à lei de prevenção e controlo do tabagismo. “Proibição é para avançar” é o título escolhido para ilustrar a intenção do Executivo. O jornal salienta ainda que as apostas nas salas VIP “vão continuar a perder terreno”. A conclusão é de uma equipa de analistas do Deutsche Bank.

 

Jornais de Macau em língua inglesa

 

O Business Daily explica que já não há excepções nas salas VIP. Os espaços para fumadores vão acabar nos casinos e os cigarros electrónicos também vão ser proibidos. O jornal financeiro adianta ainda que os “preços da habitação caíram 12,6 por cento, em Maio”.

 

O Macau Daily Times titula que o Conselho Executivo anuncia o plano de proibição total de fumar. Na edição de hoje está também o projecto de requalificação do Governo para o Hotel Estoril.

 

O Macau Post Daily salienta que o Governo “manteve-se firme” na proibição total do tabaco nos casinos. O jornal publica ainda uma foto de um cigarro electrónico para referir as novas normas que devem entrar em vigor sobre estes dispositivos.

 

Jornais de Hong Kong em língua inglesa

 

O China Daily faz manchete com o primeiro-ministro chinês. “Li Keqiang promete corte nas emissões de carbono”. O jornal oficial chinês puxa ainda para a primeira página com o metro de Hong Kong, que vai fazer a ligação à China Continental: “novos atrasos e custos mais elevados”.

 

O South China Morning Post tem como destaque fotográfico a queda de um avião militar, numa zona residencial de Medan, na Indonésia. “Teme-se a morte de mais de 100 pessoas”. O diário coloca também em evidência o metro de Hong Kong, “em rota de colisão” devido às derrapagens orçamentais. A nova estimativa aponta para um custo total de 85,3 mil milhões de dólares de Hong Kong. Ou seja, mais 31,2 por cento do que o valor inicial.

 

O Standard, esta quarta-feira, não está disponível.