Em destaque

14 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.1522 patacas e 1.1278 dólares norte-americanos.

Revista de Imprensa de Macau e Hong Kong (Quarta-feira)
Quarta, 17/06/2015

Os resultados de um estudo encomendado pelas seis operadoras de jogo, sobre o impacto da proibição do tabaco nos casinos, dominam a imprensa local. Nos jornais de Hong Kong, a segurança reforçada junto ao Conselho Legislativo, devido ao arranque do debate sobre a reforma política, é um dos principais temas do dia.

 

Jornais de Macau em língua chinesa

 

O Ou Mun destaca que a Administração só vai recuperar 32 dos 48 terrenos desaproveitados. O anúncio foi feito ontem pelo secretário para os Transportes e Obras Públicas, Raimundo do Rosário, e já “gerou críticas”.

 

O Va Kio prefere olhar para a visita de Chui Sai On a Pequim. O Chefe do Executivo vai debater assuntos relacionados com as áreas marítimas sob a jurisdição da RAEM e o novo modelo de passagem alfandegária.

 

Canal chinês da Rádio Macau

 

O canal chinês da Rádio Macau recebeu, esta manhã, o director da Polícia Judiciária. Chau Wai Kuong falou sobre os casos de burlas telefónica e, em directo, pediu cuidados redobrados à população. A emissão informativa tem centrado ainda atenções na discussão da reforma política, no Conselho Legislativo de Hong Kong, que arranca hoje.

 

Jornais de Macau em língua portuguesa

 

O Hoje Macau avança que o Governo “poderá negociar” a intenção de proibir o tabaco nos casinos. O jornal aborda ainda o “estranho mundo do Cotai”. Um especialista em jogo criticou a organização do espaço, num artigo da Forbes, devido à “falta de coesão com o ambiente circundante”.

 

O Jornal Tribuna de Macau nota que as operadoras estão “unidas pelas salas de fumo”. Um estudo desenvolvido a pedido das seis empresas de jogo mostra que 66% dos funcionários apoiam a manutenção dos espaços para fumar. “Novos alvarás de táxis geram fraca procura” é outro título da edição. A dois dias do fim do concurso para novos alvarás, foram entregues 240 propostas. O número fica “muito aquém” dos 1200 candidatos que disputaram 200 licenças, em 2013.

 

O Ponto Final titula que “Governo não vai recuperar 16 lotes desaproveitados”. O jornal explica ainda que o projecto de David Chow para o ilhéu de Santa Maria, em Cabo Verde, “ainda não saiu do papel”.

 

Jornais de Macau em língua inglesa

 

O Business Daily apresenta as conclusões de um estudo, encomendado pelas 6 operadoras de jogo. Se a intenção do Governo for para a frente, vai ter um “impacto negativo” na economia local. Mas o Chefe do Executivo contraria este argumento. Na primeira página lê-se ainda que 17 novos casinos vão abrir portas na região Ásia-Pacífico, até 2020.

 

O Macau Daily Times faz manchete com “operadoras de jogo unidas contra a proibição total do tabaco”. O jornal coloca também em destaque Hong Kong: “deputados começam o debate sobre a reforma política”.

 

O Macau Post Daily salienta as declarações de Chui Sai On, sobre a proibição do tabaco nos casinos. O impacto da medida “ainda está por apurar”. A candidatura à Casa Branca do magnata Donald Trump é outro tema em evidência na edição.

 

Jornais de Hong Kong em língua inglesa

 

O China Daily tem como grande título a China e os Estados Unidos que “lideram a luta contra a Síndrome Respiratória do Médio Oriente”. No destaque fotográfico está um dos dez detidos, suspeitos de planear um ataque à bomba. Ontem, o homem esteve com a polícia de Hong Kong a reconstituir todos os passos que, na segunda-feira, acabaram por ser detectados.

 

O South China Morning Post indica que “200 polícias” foram mobilizados para o Conselho Legislativo. Hoje, os deputados da região vizinha começam a discutir a reforma política. O diário adianta ainda que seis dos dez detidos, por suspeitas de envolvimento no alegado plano de ataque à bomba, foram formalmente acusados.

 

O Standard fala em “alerta” junto ao Conselho Legislativo. “Outro Bush candidato à presidência” dos Estados Unidos está também em evidência na edição desta quarta-feira.