Em destaque

22 de Março 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.2311 patacas e 1.1378 dólares norte-americanos.

Revista de Imprensa de Macau e Hong Kong (Sexta-feira)
Sexta, 27/03/2015

Os jornais de Macau destacam a detenção de residentes de Hong Kong por alegado sequestro de empregadas domésticas que mantinham presas num apartamento aqui do território. Também em grande plano na imprensa local está um estudo do Instituto de Formação Turística sobre a capacidade limite para o acolhimento de visitantes. Em Hong Kong, as manchetes são variadas mas incidem sobre projectos da China com outros países asiáticos.

 

Jornais de Macau em língua chinesa

 

O Ou Mun escreve em manchete que “uma agência de Hong Kong prendeu 27 empregadas domésticas em Macau”- um homem e uma mulher foram ontem detidos por suspeitas de envolvimento neste caso de sequestro.

 

O mesmo tema faz a manchete do Va Kio embora este diário acrescente, na primeira página, que estas 27 empregadas domésticas foram encontradas num apartmento de 800 pés quadrados, localizado na Rua Gago Coutinho. O Va Kio faz ainda título com outro caso a envolver um residente de Hong Kong: “um estudante universitário da cidade vizinha foi detido pela Polícia Judiciária, por suspeita de tráfico de droga em Macau”.

 

Canal chinês da Rádio Macau

 

Esta manhã, a Ou Mun Tin Toi diz, esta manhã, que a taxa de desemprego continuou em 1,7 por cento, entre Dezembro e Fevereiro. Outra notícia em destaque revela que o número de visitantes da China com visto individual atingiu um novo recorde em Fevereiro, registando-se um acréscimo de 38,9%. A rádio avança ainda que o supermercado San Miu foi comprado pela Dairy Farm, mas vai manter o mesmo nome.

 

Jornais de Macau em língua portuguesa

 

O Hoje Macau escreve em manchete “universidades insensíveis” – deficientes denunciam discriminação. Noutro destaque, lê-se “excesso de turistas? O IFT responde nim”. Ainda em foco está Sónia Chan, a propósito do dia em que a secretária para a Administração e Justiça “subiu ao Hemiciclo”.  

 

O Jornal Tribuna de Macau titula “Fundo das Indústrias Culturais sob processo de averiguações”. O Secretário para os Assuntos Sociais e Cultura, Alexis Tam, mandou ins­taurar um processo de averiguações ao Fundo das Indústrias Culturais, por alegada atribuição de um subsídio a uma empresa que pertence a um familiar de um dos membros dos órgãos sociais. Ainda em foco está uma entrevista a Jorge Menezes que alerta para “potencial avalanche de consequências” por causa do Tribunal de Singapura que questiona posição internacional da RAEM.

 

No Ponto Final lê-se “com a cabeça cheia de dúvidas e os problemas do país inteiro”, uma citação de Xi Chuan, o maior nome da poesia chinesa contemporânea. Ainda no âmbito do Festival Literário Rota das Letras está em Macau João Boltelho que afirma: “o cinema são luzes e sombras, e seres humanos aflitos lá no meio”.

 

O Clarim coloca em grande destaque o Padre Shenan Boquet, o presidente da “Vida Humana Internacional” e o título diz “prostituição separa as famílias”. Noutro título lê-se “caixa de pandora: órgãos municipais atribuem mais poder aos secretários”.  

 

O jornal Plataforma publica uma fotografia grande do rapper Gabriel o Pensador, que se diz “desiludido com a cultura de desrespeito ao cidadão por parte dos políticos do Brasil”. O semanário escreve ainda em chamadas de primeira página: “nova normalidade chegou aos casinos” e “gás natural de Macau marca passo”.

 

Jornais de Macau em língua inglesa

 

O Business Daily realça os resultados de um estudo revelado ontem pelo Instituto de Formação Turística. O económico diz que provavelmente se atingiu o ponto de saturação em 2014, com 90 mil visitantes por dia.

 

O título principal do Macau Daily Times também faz referência aos resultados do estudo mas a manchete diz “Macau com capacidade para receber mais turistas”. O Times publica ainda uma fotografia dos destroços do avião da Germanwings: “sozinho aos comandos, o co-piloto destruiu o avião”.

 

A manchete do Macau Post Daily diz “polícia salva 27 trabalhadoras não residentes que estavam encarceradas num apartamento controlado por um homem de Hong Kong”.

 

Jornais de Hong Kong em língua inglesa

 

O South China Morning Post escreve em título que “Indonésia dá apoio a banco liderado pela China”, referindo-se ao Banco Asiático de Investimento em Infraestruturas. A fotografia mostra Xi Jinping, o presidente chinês, ao lado do homólogo indonésio, Joko Widodo, em Pequim.

 

O China Daily titula “quebrado impasse em projecto de construção de porto” – a China e o Sri Lanka concordaram em acabar com a suspensão no plano de construção da infraestrutura de Colombo, que implica um investimento de mil e quatrocentos milhões dólares.

 

Nesta edição de sexta-feira, o Standard destaca no interior a ATV – esta televisão de Hong Kong “pode ter os dias contados”. O maior accionionista admitiu que “a estação pode sair do ar daqui a poucos dias”, depois de ter visto o seu plano de investimento rejeitado.