Em destaque

22 de Março 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.2311 patacas e 1.1378 dólares norte-americanos.

Cônsul entregou carta de Figo à Federação de Futebol local
Segunda, 23/03/2015

Luís Figo enviou uma carta pessoal à Associação de Futebol de Macau a pedir apoio na corrida à presidência da FIFA. Foi o próprio cônsul-geral de Portugal em Macau que entregou esta manhã a missiva a um representante da associação local.

 

À saída do encontro, o presidente da Assembleia-Geral da Associação de Futebol de Macau, Victor Cheung, manifestou o apoio ao antigo jogador português. "Eu não preciso dizer muito. Tenho uma relação de longa data com os portugueses e o respeito que tenho por eles mantém-se até hoje", disse, em declarações à Rádio Macau.

 

Vítor Sereno decidiu entregar pessoalmente a carta de Figo em Macau e também vai fazê-lo em Hong Kong, por acreditar que o antigo internacional português tem as qualidades necessárias para ser presidente da FIFA. Ainda assim, antevê grandes dificuldades. “Luís Figo, pelo seu percurso futebolístico, pelo seu percurso dirigente no Inter de Milão tem todas as condições para ser um bom presidente (...) acho complicado e difícil [ele ganhar] por todas as razões que nós conhecemos. Mas nós acreditamos. Eu, enquanto cônsul-geral vim ter esta conversa, entregar uma carta pessoal de Luís Figo ao presidente. Na próxima segunda-feira conto fazê-lo com o senhor Timothy Fok, o presidente da Associação de Futebol de Hong Kong. No que depender de nós, e das minhas Regiões Administrativas Especiais, espero eu que o voto vá evidentemente para o Luís Figo. Faremos força para isso”.

 

O cônsul revelou ainda um pouco do conteúdo da carta, dizendo que inclui “aquilo Luís Figo preconiza para o desenvolvimento do futebol mundial”. “Ele teve oportunidade de apresentar o seu programa, há umas semanas, no estádio do Wembley: o desenvolvimento do futebol, o fair play, uma redistribuição equitativa dos recursos imensos que a FIFA tem pelas associações que mais precisam e no fundo colocar o futebol outra vez no centro da discussão. Não são os negócios à volta do futebol que devem motivar as discussões de quem gosta verdadeiramente de futebol”. 

 

Nesta corrida à presidência da FIFA, Figo conta com concorrentes de peso, o actual presidente Blatter, o príncipe Al Hussein da Jordânia e o presidente da Federação Holandesa de Futebol, Van Praag.