Em destaque

22 de Março 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.2311 patacas e 1.1378 dólares norte-americanos.

LAG: Rui Furtado defende residências médicas para idosos
Segunda, 23/03/2015

Há várias áreas em que é preciso agir com urgência, considera o médico Rui Furtado acerca do que devem ser as Linhas de Acção Governativa para este ano. Entre as prioridades do cirurgião está a protecção social, com o médico a deixar algumas medidas concretas que gostaria de ver implementadas: “A criação de residências medicamente assistidas para idosos – sós e casais –; aumentar o apoio aos idosos do ponto de vista económico e social; na política da habitação, deve haver uma política credível e eficaz, com casas com boas áreas e acessíveis a toda a população, nomeadamente aos mais desfavorecidos”.

 

No que diz respeito à habitação, Rui Furtado sugere que seja permitido o acesso à habitação social “aos trabalhadores portadores de cartão azul”, destacando os casos em que “há cinco e seis pessoas a repartir um quarto, em condições paupérrimas e deploráveis do ponto de vista de sanidade e de dignidade humana, ainda por cima exploradas, a pagarem rendas que são incrivelmente altas”.

 

Na perspectiva das Linhas de Acção Governativa para este ano, é ainda prioridade para Rui Furtado a melhoria da qualidade de vida. O médico elege algumas áreas em que gostaria de ver mudanças: medidas para acelerar a construção do metro ligeiro e do terminal do Pac On, bem como um maior cuidado para minimizar o impacto das obras públicas no trânsito.