Em destaque

22 de Janeiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.2217 patacas e 1.1363 dólares norte-americanos.

UM: Reformas respondem às necessidades da sociedade
Quinta, 19/03/2015

A Universidade de Macau reconhece que as licenciaturas revistas ou criadas depois da transferência de Administração de Macau deixaram de ser reconhecidas automaticamente em Portugal. É a reacção da instituição na sequência da notícia da Lusa que dava conta que a licenciatura em Direito na Universidade de Macau deixa de ser reconhecida automaticamente pelas autoridades portuguesas, depois da Faculdade de Direito ter alterado o programa de estudos.

 

Em comunicado, a instituição lembra que “todas as instituições de ensino superior do mundo, incluindo as Faculdades de Direito portuguesas, têm melhorado os seus programas de ensino para ir ao encontro das necessidades da sociedade”.

 

No caso da reforma curricular na Faculdade de Direito da UM, lê-se, teve como objectivo a “formação de licenciados bilingues de grande qualidade” para responder às “necessidades da sociedade de Macau”.