Em destaque

14 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.1522 patacas e 1.1278 dólares norte-americanos.

Revista de imprensa de Macau e Hong Kong (Segunda-feira)
Segunda, 26/01/2015

As declarações do Chefe do Executivo sobre o sistema de deputados nomeados e as duas manifestações deste fim-de-semana são os temas em destaque na imprensa local. Em Hong Kong, os jornais viram atenções para a maratona Standard Chartered que se realizou na manhã de ontem.

 

Jornais de Macau em língua chinesa

 

O Ou Mun diz que começou a construção da passagem superior para peões na Estrada de Nossa Senhora de Ka Ho, obra que deve ficar concluída no primeiro semestre do próximo ano. O diário acrescenta que a ideia é proporcionar aos moradores e estudantes da zona, um equipamento de travessia pedonal mais seguro e confortável.

 

O Va Kio coloca o principal foco sobre as declarações de Chui Sai On à partida para Pequim, sobre as palavras de Fong Chi Keong a propósito da violência doméstica. Lê-se que o Chefe do Executivo reiterou que as mudanças “no sistema político estão nas mãos do Governo Central”.

 

Canal chinês da Rádio Macau

 

Esta manhã, a Ou Mun Tin Toi noticia que a Rádio Vilaverde vai passar a transmitir em frequência FM. A licença de radiodifusão sonora é de cinco anos.

 

Jornais de Macau em língua portuguesa

 

A manchete do Jornal Tribuna de Macau diz “economia ‘mais estável’, quando ficar menos VIP”. A Autoridade Monetária prevê uma subida de “um dígito baixo” do PIB em 2015 e afasta cenários económicos pessimistas, sublinhando que a elevada reserva financeira funciona como “amortecedor” contra eventuais “choques”. Sobre as manifestações. Sobre as manifestações deste fim-de-semana, o JTM escreve “contestação a Fong Chi Keong ‘desperta’ consciências”. Na primeira, ainda destaque para uma entrevista com o advogado Pedro Cortés, que defende que se baixem os  impostos e se obrigue as operadoras a financiar projectos sociais.

 

O Ponto Final titula “crescimento só com retoma” - a Autoridade Monetária de Macau prevê para este ano um crescimento económico baixo, mas só no pressuposto de uma recuperação do jogo após Junho. “Centenas contra nomeados” é o título escolhido para a notícia de que mais de 800 pessoas saíram à rua para exigir a abolição dos lugares de nomeação na Assembleia Legislativa.

 

“O efeito Fong” é a manchete do Hoje Macau, a propósito da manifestação que coloca em causa o sistema de deputados nomeados. Uma das chamadas de primeira faz referência igualmente à manifestação pelos animais, lendo-se “sete anos a lutar por uma lei”.  O jornal dá ainda conta do derby em Macau, em que o Sporting empatou ao cair do pano.

 

Jornais de Macau em língua inglesa

 

O Business Daily surge com fotografia de Frances Lui, o vice-presidente da Galaxy, que apresentou a segunda fase do projecto da operadora no COTAI e a Broadway Macau, projectos que são inaugurados a 27 de Maio. No entanto, em manchete, o diário económico escreve “Galaxy mostra credenciais no sector do mercado de massas”.

 

O Macau Daily Times realça as declarações que o Chefe do Executivo fez no aeroporto de partida para Pequim, com o secretário para a Economia e Finanças, Lionel Leong. O título escolhido é: “ajustamento do sector do jogo ‘é normal’”. Ainda na primeira está publicada uma fotografia de um dos protestos deste fim-de-semana, com a frase: “centenas marcham contra sistema de deputados nomeados e pela defesa dos direitos dos animais”.

 

O mesmo tema faz a manchete no Macau Post Daily, que escreve “manifestantes pedem aos deputados para aprovar a proposta de lei de protecção dos animais o mais depressa possível”. O Post também vira atenções para a vitória do Syriza na Grécia, ainda a citar sondagens. Este diário destaca também o caso que está a indignar a Bélgica - a claque do Standard de Liege empunhou cartazes que mostram um ex-jogador da equipa decapitado, tratando-se de Steven Defour que esteve no FC do Porto e joga agora no Anderlecht.

 

Jornais de Hong Kong em língua inglesa

 

Em manchete, o South China Morning Post diz que “se estão a dar passos para minimizar riscos no âmbito dos descontos obrigatórios para o Fundo de Previdência". Em destaque fotográfico o jornal coloca a maratona de Hong Kong a propósito da sugestão de um novo trajecto para 2016.

 

O China Daily destaca o mesmo tema, publicando uma grande fotografia da maratona que se realizou ontem em Hong Kong. Mas este matutino realça as participações que apelaram à consciência ambiental, como a de um participante que foi vestido de tubarão para insistir numa proibição à sopa de barbatana. Em manchete, o jornal oficial chinês diz que a China pretende implementar políticas mais favoráveis para atrair talentos do exterior.

 

O Standard realça as eleições na Grécia, em que a vitória era quase certa para o Syriza, o partido contra a austeridade.