Em destaque

18 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.20602 patacas e 1.1314 dólares norte-americanos.

Novo curso de alta direcção em gestão de casinos e hotéis
Quarta, 12/03/2014

A Universidade de São José e a Católica Lisbon – School of Business and Economics vão disponibilizar aos alunos de Macau um Curso Avançado na Área da Gestão de Casino e Indústria Hoteleira. A iniciativa foi apresentada hoje, em Macau, e tem como principal público alvo executivos de topo na área dos casinos e da indústria hoteleira, mas não só.

 

A Católica Lisbon já tem um programa de “alta direcção” com a prestigiada universidade de Kellog. A ideia, agora, explica o director adjunto para as relações internacionais, Ricardo Reis, é oferecer esse curso a alunos de Macau, associando-o a um segundo módulo direccionado para a gestão de casinos e hotéis.

 

Em Maio, decorre o primeiro módulo, que se concentra no curso de formação avançada em alta direcção. Um módulo dividido numa semana de aulas em Lisboa e outra no centro de formação executiva da Universidade de Kellog, na zona de Chicago. Segundo Ricardo Reis, trata-se de um módulo “de formação geral”, que propicia, também, aos participantes “uma realidade totalmente diferente do estado da arte em termos de ciência de gestão e administração a nível global”.

 

A segunda parte do curso começa em Macau, no início de Junho. As aulas vão contar com o apoio da Universidade de São José, mas incluem também especialistas americanos e portugueses em várias áreas ligadas à gestão, aplicada à realidade dos casinos e hotéis, como, por exemplo, finanças, estratégia, segurança ou marketing.

 

A completar esta segunda parte do curso há ainda mais uma semana de aulas em Lisboa, em Julho, com aulas relacionadas, por exemplo, com diferenças culturais, gestão de casinos, ética, ou responsabilidade social.

 

O principal alvo em termos de estudantes são executivos de topo. “Estamos, prioritariamente, a pensar nesse tipo de executivos. Não obstante, não fechamos a porta a outro tipo de cargos a quem reconheçamos o elevado potencial para poderem subir a quadros de alta direcção no futuro”, explicou, em declarações à Rádio.

 

Ricardo Reis sublinha, ainda, a importância da experiência de networking neste tipo de cursos: “A nossa ideia é que as pessoas se valorizem neste programas, mas que também valorizem o programa com a sua presença.”

 

O processo é flexível: os estudantes podem optar por fazer apenas o módulo de alta direcção e não o dos casinos e hotéis, ou vice-versa. Da mesma forma, existe a hipótese de se fazer um módulo num ano e o outro no ano seguinte.

 

O curso custa 35 mil dólares americanos – quase 280 mil patacas. Segundo Ricardo Reis, a ideia é que o programa se possa continuar a realizar no futuro, podendo mesmo vir a partir-se para outro tipo de iniciativas, como mestrados executivos dedicados a determinadas áreas.