Em destaque

14 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.1522 patacas e 1.1278 dólares norte-americanos.

Chui Sai On promete a Pequim uma Macau mais competitiva
Domingo, 09/03/2014

Antes do regresso, o Chefe do Executivo disse, à comunicação social em Pequim, que pretende aumentar a competitividade de Macau. Durante a abertura da segunda sessão da 12ª Assembleia Popular Nacional, o Governo Central voltou a insistir no plano: Macau e também Hong Kong com maiores capacidades competitivas.

 

Agora, o Chui Sai On admite que a diversificação da economia e a criação de novos motores de crescimento “são tarefas difíceis”, mas, promete fazer tudo ao seu alcance para consegui-lo. O líder da RAEM reconhece que para “se tornar mais competitivo”, o território tem de aproveitar “mais e melhor” as vantagens enquanto centro mundial de turismo e lazer e plataforma de cooperação económica e comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa.