Em destaque

21 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.21 patacas e 1.13 dólares norte-americanos.

CE volta a garantir que a liberdade de imprensa é respeitada
Terça, 04/03/2014

Antes de partir para Pequim, Chui Sai On respondeu às perguntas dos jornalistas relacionadas com as queixas de censura por parte de jornalistas dos canais chineses da TDM. O Chefe do Executivo voltou a garantir que o Governo “respeita a liberdade de imprensa” e “não interfere” nas notícias da operadora pública.

 

O líder do Executivo afirmou mesmo ter já alertado os representantes da emissora para a importância da liberdade de imprensa em Macau. “Na altura da nomeação do novo mandato eu organizei uma reunião com os membros, quer para acompanhar o projecto de desenvolvimento, quer para falar do respeito pela liberdade de imprensa. A Lei Básica regula a liberdade de expressão e de imprensa e este é também um dos nossos objectivos para o desenvolvimento da sociedade. Nem a título pessoal, nem no trabalho interferimos na liberdade de imprensa e, portanto, devemos respeitar e melhor este nosso objectivo de forma gradual”.

 

Chui Sai On assegurou que vai realçar a necessidade de respeito pela liberdade de imprensa junto do novo presidente da comissão executiva da TDM, Manuel Pires. Nestas declarações aos jornalistas, o Chefe do Executivo rejeitou ainda a polémica em torno da saída de Leong Kam Chun da liderança da TDM, dizendo que “é normal” quando se trata de “funcionários nomeados”.