Em destaque

21 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.21 patacas e 1.13 dólares norte-americanos.

Aviação: Fim das restrições entre Macau e Taiwan
Segunda, 17/02/2014

Macau e Taiwan assinaram hoje um acordo de transporte aéreo que vem acabar com as restrições de voo entre os dois territórios. O entendimento permite que mais companhias aéreas possam aterrar e levantar do Aeroporto de Macau. Já as operadoras locais têm mais destinos à escolha na ilha, explica o presidente da Autoridade de Aviação Civil.

 

“Há três áreas principais que abrimos – uma é a das companhias aéreas, o que significa que o número de transportadoras no mercado pode ser agora muito flexível. Antes, era limitado; agora é ilimitado – depende das necessidades e das decisões dos Governos”, referiu Simon Chan. “A segunda área é a capacidade: não a limitamos mais, pelo que as empresas podem decidir. Depende da dimensão do mercado e de decisões comerciais.” Depois, o acordo acaba com as restrições entre Macau e Taipé/Kaohsiung. “Todas as outras cidades em Taiwan estarão abertas a operações regulares entre Macau e estas cidades”, acrescenta o responsável.

 

Simon Chan mostra-se confiante com esta liberalização dos transportes aéreos entre Macau e Taiwan, que é neste momento o terceiro mercado de aviação do território.