Em destaque

17 de Janeiro de 2018: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.9485 patacas e 1.2266 dólares norte-americanos.

Governo português doa livros às escolas luso-chinesas
Domingo, 01/12/2013

O governo português distribui, hoje, livros pelas escolas luso-chinesas. A iniciativa foi levada a cabo pelo secretário de Estado das Comunidades Portuguesas, José Cesário, e faz parte do programa "Luso Talentos", que decorreu em Macau desde sexta-feira até este domingo.

 

De acordo com José Cesário, a distribuição dos livros é um sinal de que Portugal não esquece Macau. O secretário de Estado destaca, ainda, que este “é o maior programa de incentivo à leitura e de aquisição de livros de autores portugueses que alguma vez foi feito em Portugal a nível de crianças e público jovem. Traduz-se na aquisição de mais de 20 mil livros.” A iniciativa será realizada em todo o mundo, com a oferta de 700 mini-bibliotecas.

 

José Cesário veio a Macau no âmbito do “Luso Talentos”, um programa que promove jovens luso-descendentes, das mais diversas áreas profissionais, espalhados por todo o mundo.

 

Mas o governante diz que também não esquece quem está em Portugal a lutar contra o desemprego.O secretário de Estado diz que o governo português está a trabalhar no sentido de dar mais oportunidades aos jovens, e destaca os últimos trimestres de crescimento na economia portuguesa: “É assim que se resolvem os problemas desses talentos lá, que não encontram soluções lá. É mudando a economia, não é de uma forma paternalista dando um apoio hoje, outro amanhã. É a criar sustentabilidade no desenvolvimento económico”.