Em destaque

14 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.1522 patacas e 1.1278 dólares norte-americanos.

Autoridade Monetária prevê abrandamento no sector do jogo
Quinta, 18/07/2013

As receitas do jogo vão “abrandar de forma visível” na segunda metade deste ano, antecipa a Autoridade Monetária de Macau. No mais recente Boletim de Estudos Monetários, a entidade reguladora justifica o arrefecimento com a situação geral da economia na Ásia, onde é esperada uma travagem no crescimento, e na consequente diminuição de turistas e do dinheiro gasto pelos visitantes.

 

A Autoridade Monetária nota ainda que o mercado VIP tem vindo a perder margem para o mercado de massas, o que tem consequências na desvalorização da generalidade dos serviços ligados ao jogo.

 

As previsões da Autoridade Monetária vão no mesmo sentido das que foram feitas recentemente por Francis Tam. O secretário para a Economia e Finanças disse que, no final do ano, as receitas totais da indústria do jogo vão crescer cerca de 10 por cento, apesar da expansão de 15,3 por cento registada no final da primeira metade do ano.

 

Sobre a economia de Macau, a Autoridade Monetária avança um crescimento de apenas um dígito no final do ano.

 

Já a inflação deverá terminar 2013 ainda em “valores relativamente elevados”, ou seja, entre os 5 e os 6 por cento, ao passo que a taxa de desemprego manter-se-á nos 2 por cento.

 

Na segunda metade do ano, prevê-se ainda que as novas medidas para combater a especulação imobiliária tenham efeito, levando a que os preços deste sector baixem de forma “significativa”, o que resultará na “estabilidade do mercado”.