Em destaque

21 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.21 patacas e 1.13 dólares norte-americanos.

Revista de Imprensa de Macau e Hong Kong (segunda-feira)
Segunda, 08/07/2013

A imprensa em chinês de Macau destaca poluição num rio que poderá ter impacto no abstecimento de água a Macau, a imprensa em português divide-se entre as críticas à lei do planeamento urbabnístico e o preço da educação no ensino superior, e nos jornais em inglês de Hong Kong as atenções estão voltadas para o acidente de avião que vitimou mortalmente duas estudantes chinesas no aeroporto de São Francisco.

 

Jornais de Macau em língua chinesa

 

No jornal Va Kio, a primeira página é dominada pela notícia de que “as autoridades chinesas tomaram medidas e agora há menos metais pesados na água do Rio Hejiang” – Zhuhai e Macau monitorizam a qualidade da água para assegurar a segurança do abastecimento a Macau.

 

Destaque, ainda, para um acidente envolvendo um táxi, na Rua de Francisco Xavier Pereira, que causou dois feridos – o condutor do automóvel ligeiro envolvido neste choque conduzia embriagado. Outro acidente de viação: homem de 80 anos atropelado numa passadeira na Avenida Padre Tomás Pereira.

 

No jornal Ou Mun, o título principal faz referência à existência de metais pesados em excesso na água do Rio Hejiang, mas a situação ainda não tem qualquer impacto em Macau. Daí a garantia da Capitania dos Portos: a água importada a Macau é segura.

 

O Ou Mun destaca também que a construção do Centro de Recuperação de Doenças Infecciosas no Alto da Montanha de Coloane está acelerada – o novo centro terá oito andares e poderá proporcionar cerca de 60 quartos individuais.

 

Canal chinês da Rádio Macau

 

Quanto à manhã informativa do canal chinês da Rádio Macau, tem sido marcada pela publicação dos valores mínimos e máximos dos preços de venda dos apartamentos da habitação económica situada no Bairro da Ilha Verde.

 

A Ou Mun Tin Toi destaca, ainda, que a partir do dia 10 de Julho, entra em vigor a medida de isenção de carimbo para todos os visitantes que efectuam entradas/saídas pelos postos fronteiriços de Macau com documento de viagem ou passaporte. Aos visitantes será concedido um boletim de entrada.

 

Jornais de Macau em língua portuguesa

 

O Ponto Final faz a manchete com a notícia de que a Tri-Decade está contra lei “multibanco”. Explica o jornal que “a associação juvenil Tri-decade Action Union está a recolher assinaturas contra a revisão da proposta de lei do Planeamento Urbanístico. O grupo é contra as mudanças nos critérios de indemnização aos promotores e diz que não quer que o diploma sirva de ‘multibanco de empresários’”.

 

Nesta edição, o outro grande destaque é dedicado a Bollywood, que coroou “Barfi”.“A festa das festas do cinema indiano voltou a Macau e ao Venetian no fim-de-semana. ‘Barfi’, comédia romântica de Anurag Basu, foi o grande vencedor da gala que contou com muitas das estrelas de Bollywood.”

 

No Hoje Macau, o título principal é “O preço do canudo”. “A Universidade de Ciência e Tecnologia apresenta as propinas mais altas”. Outro título em destaque: “Planeamento Urbanístico – Nova lei acusada de favorecer enriquecimento dos empresários”.

 

Já o Jornal Tribuna de Macau aponta hoje o maior foco a Carlos Marreiros. Em entrevista, o arquitecto defende que “Coloane pode e deve ser urbanizado, mas alterando a filosofia”. Ainda espaço para os títulos: “Rui Leão defende zonas de protecção obrigatórias para imóveis classificados”; “Universidade Cidade de Macau promova campanha agressiva em favor da língua portuguesa”.

 

Jornais de Macau em língua inglesa

 

O Business Daily tem na manchete que os membros de Macau no conselho para a administração da nova zona conjunta da ilha da montanha não são ainda conhecidos.

 

Outra notícia em foco: a SJM ainda está à procura de um lugar para as salas de jogo que detém nas áreas residenciais de Macau.

 

O Macau Post Daily Independent destaca na edição de hoje que o deputado Ng Kuok Cheong e a associação Tri-Decade Actin Union estão contra os métodos para as compensações previstos na lei do planeamento urbanístico.

 

Quanto ao Macau Daily Times, faz honras de manchete com uma afirmação de Peter Stilwell: Macau tem pontencial para se desenvolver como centro para a educação – entrevista com o reitor da Universidade de São José.

 

No outro destaque surge o cinema indiano – festa realizada em Macau para os admiradores de Bollywood.

 

Jornais de Hong Kong em língua inglesa

 

O South China Morning Post tem hoje o foco principal virado para testes que revelam gorduras prejudiciais à saúde em três marcas chinesas de leite em pó, que, no entanto, não fazem qualquer referência à gordura nas embalagens dos produtos.

 

Ainda em grande destaque a investigação ao acidente de aviação nos Estados Unidos em que faleceram duas estudantes chinesas.

 

Este é um tema que salta também para a primeira página do jornal The Standard: “Adolescentes chinesas morrem numa aterragem de terror”.

 

O mesmo tema merece também o maior destaque no China Daily. O jornal oficial chinês em língua inglesa refere no título principal que “Passageiro rezou uma oração” – alusão ao testemunho de um sobrevivente do acidente.