Em destaque

14 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.1522 patacas e 1.1278 dólares norte-americanos.

Revista de Imprensa de Macau e Hong Kong (Quinta-feira)
Quinta, 04/07/2013

As declarações de Lau Si Io, na Assembleia Legislativa, em volta do caso La Scala e os pedidos de esclarecimentos do Governo aos Estados Unidos sobre uma eventual vigilância ao sistema de telecomunicações da RAEM alimentam as manchetes da imprensa portuguesa local.

 

Jornais de Macau em língua chinesa

O jornal Ou Mun publica imagens do acidente de ontem no estaleiro de construção do Metro Ligeiro na Estrada da Baía de Nossa Senhora da Esperança na Taipa. Uma escavadora inclinou-se mas não houve feridos. Em foco, ainda, a actual situação das creches. Ontem, na Assembleia Legislativa, o presidente do Instituto de Acção Social garantiu um aumento do número de vagas.

 

O jornal Va Kio dá destaque a Stephen Young, cônsul dos Estados Unidos para Hong Kong e Macau, que ontem, esteve no território mas que se recusou a abordar a questão de Edward Snowden. Ainda na primeira do jornal o acidente de ontem na construção do Metro Ligeiro na Estrada da Baía de Nossa Senhora da Esperança na Taipa.

 

Canal Chinês da Rádio Macau

Esta manhã em foco no Ou Mun Tin Toi mais explicações da Polícia de Segurança Pública sobre as manifestações de domingo. A Ou Mun Tin Toi está também a dar atenção à situação no Egipto. 

 

Jornais de Macau em língua portuguesa

“Operadoras de jogo com creches para filhos de funcionários” é a manchete do Jornal Tribuna de Macau que entrega grande destaque à visita do presidente da câmara de Macau, Brasil, à Casa de Macau de São Paulo. “Encontro entre ‘duas’ Macau” é o título.

 

O Hoje Macau fala de “Magia e banalidades” sobre declarações do secretário Lao Si Io na Assembleia Legislativa. “Não posso fazer magia e criar terrenos”, afirmou sobre a incapacidade de criar mais terrenos para habitação pública.

 

O Ponto Final diz, em manchete, sobre o mesmo tema “Habitação à escala”. Em grande foto, Chui Sai On e o cônsul dos Estados Unidos, Stephen Young, no encontro que mantiveram ontem, o mesmo dia em que Macau pedia esclarecimentos aos EUA sobre uma eventual vigilância dos serviços secretos na RAEM. Daí o título, “Sorrisos e espiões”.

 

Jornais de Macau em língua inglesa

O Macau Daily Post chama às gordas o pedido de esclarecimentos aos Estados Unidos sobre uma eventual vigilância dos serviços secretos norte-americanos às comunicações na RAEM. “Chefe do Executivo diz que perguntou aos Estados Unidos se espiolharam internet local”.

 

O Macau Daily Times faz manchete com o boom económico nas Filipinas. “Boom distribui riqueza pelas Filipinas”. Mais abaixo, um inquérito do jornal conclui que Macau é um paraíso das compras para os chineses do continente.

 

O Business Daily presta atenção ao caso La Scala em julgamento. “A não ajuda de Ao no caso La Scala”, é a manchete do diário.

 

Jornais de Hong Kong em língua inglesa 

O golpe de estado no Egipto faz hoje a manchete do South China Morning Post. O jornal conta que os conselheiros do presidente Morsi dizem que o líder foi proibido de sair o país. Ainda na primeira página do jornal destaque para a doação de terras pelo magnata Lee Shau Kee que foi rejeitada pelo Governo de Hong Kong. 

 

No China Daily lê-se que Xangai passa a ser uma zona de comércio livre. Ainda em destaque fotográfico, a vaga de calor que se está a fazer sentir em Pequim. 

 

O Standard escreve que estão planeadas 60 mil fracções para os Novos Territórios em Hong Kong.