Em destaque

18 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.20602 patacas e 1.1314 dólares norte-americanos.

José Luís Estorninho queixa-se à Comissão Eleitoral
Sexta, 28/06/2013

José Luís Estorninho contesta que, afinal, não seja ele o mandatário da lista da associação Macau Século XXI nas eleições para a Assembleia Legislativa.

 

Em declarações à Rádio Macau, Estorninho disse ter entregue à Comissão para os Assuntos Eleitorais da Assembleia Legislativa uma carta “solicitando o apuramento dos factos, se porventura houve alguma peça viciosa, no sentido de que os boletins, quando foram entregues por mim à pessoa que agora se assumiu como mandatário, tinha realmente os meus dados, nome , endereço, contactos, etc. É evidente que se tivesse sido aceite pela Comissão Eleitoral, algo teria sido alterado. É de apurar o que de facto aconteceu.”

 

A Associação Macau Século 21 formalizou, ontem, a comissão de candidatura, mas sem lista e com o número um ainda por decidir. Certo é que José Estorninho deixou de ser o mandatário, passando o lugar a ser ocupado pelo próprio Luiz Pedruco, até aqui apontado como o cabeça de lista. Luiz Pedruco explicou que a associação decidiu que devia ser ele o mandatário. “Andamos em várias reuniões nas últimas quatro semanas para debater qual a melhor forma de proceder com esta nossa candidatura e o resultado está à mostra: a pessoa que deveria ser o mandatário deveria ser eu. Foi na base disto que avançámos com esta ideia”, disse, em declarações aos jornalistas, nos Serviços de Administração e Função Pública, onde entregou a comissão de candidatura da associação para as eleições legislativas.