Em destaque

14 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.1522 patacas e 1.1278 dólares norte-americanos.

1º de Maio: PSP reage às acusações da Juventude Dinâmica
Sábado, 04/05/2013

A polícia garante que tratou de igual forma todas as associações que participaram nas manifestações do 1º de Maio. O grupo Juventude Dinâmica alega que as autoridades quebraram o acordo estabelecido, por causa de alguns desentendimentos já no final do protesto. A PSP assegura que cumpriu o que tinha sido combinado.

 

No passado dia 1, a Juventude Dinâmica e a polícia desentenderam-se quanto ao modo como chegar à sede do Governo. O grupo alega que as autoridades não cumpriram o que estava acordado em relação ao itinerário e coloca mesmo a possibilidade de recorrer a meios judiciais ou administrativos como forma de reclamação. Em comunicado, a PSP vem dizer que tratou todas as associações da mesma forma.

 

Explica a polícia que saíram à rua cerca de 1900 manifestantes, divididos entre seis associações. Até às 17h, chegaram à sede do Governo 1700 pessoas, que “dispersaram pacificamente” depois de terem deixado as petições no palácio.

 

Ainda de acordo com a versão da polícia, às 17h15 – hora a que chegou o último grupo de manifestantes – 50 pessoas não seguiram o percurso dos 1700 que por ali já tinham passado. Recusaram-se a obedecer às instruções das autoridades, que consistiam sobretudo em desfilar pelo passeio. Alguns deles sentaram-se na faixa de rodagem, o que bloqueou o trânsito e obrigou a fechar a avenida. Às 18h15 o problema resolveu-se e os envolvidos foram-se embora.

 

A polícia explica que as regras definidas para a manifestação se prenderam com a necessidade de garantir a circulação e recorda que no feriado a cidade está mais cheia por causa dos turistas, mas afiança que não impediu os manifestantes de gozarem dos seus direitos fundamentais.

 

A PSP diz ainda ter estado reunida com a Juventude Dinâmica no mês passado e ter dado conhecimento do itinerário aos representantes da associação, altura em que estes ficaram a saber que não era permitido o desfile pela faixa de rodagem.

 

A polícia diz que a versão da Juventude Dinâmica “é inverter o preto e o branco, não diferenciar o certo e o errado, para proporcionar confusões”, um acto que a PSP lamenta. As autoridades dizem que, se for necessário, vão divulgar o vídeo da reunião que manteve com a associação para discutir o itinerário, mas promete que divulgação só vai ser feita se todos os participantes concordarem.