Em destaque

19 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.16 patacas e 1.12 dólares norte-americanos.

H7N9: Macau reforça vigilância nas fronteiras e hospital
Domingo, 14/04/2013

Macau aumentou a vigilância nos postos fronteiriços e nos hospitais à nova estirpe da gripe das aves, o vírus H7N9, depois de Pequim ter registado o primeiro caso de infecção.

 

Em comunicado os Serviços de Saúde sublinham que mantêm um um contacto estreito com a Comissão Nacional de Saúde e de Planeamento Familiar.

 

No território não foi ainda detectado qualquer caso da doença e os Serviços de Saúde dizem que se mantêm a média de doentes – dez adultos e 25 crianças - que diariamente recorrem Centro Hospitalar Conde de São Januário por infecção de gripe similar.

 

Os Serviços de Saúde apelam aos cidadãos, em especial os que se deslocam frequentemente à Região Leste da China, para reforçar as medidas de prevenção. É aconselhado às pessoas evitar ter contacto com aves ou outros animais e não consumir carne de aves, vísceras, produtos sanguíneos e ovos mal cozinhado.