Em destaque

19 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.16 patacas e 1.12 dólares norte-americanos.

Revista de Imprensa de Macau e Hong Kong (Terça-feira)
Terça, 12/03/2013

O tema em comum hoje na imprensa local, chinesa e portuguesa, são as eleições para a Assembleia Legislativa. A data já é conhecida, 15 de Setembro, bem como os limites fixados em Boletim Oficial para as despesas na campanha eleitoral. Na imprensa de Hong Kong em destaque estão as eleições para a Conferência Consultiva Política do Povo Chinês.

 

Jornais de Macau em língua chinesa

 

No Va Kio em foco está, esta terça-feira, as eleições para a Assembleia Legislativas, que foram marcadas para 15 de Setembro. O jornal conta que as candidaturas e o programa político têm de ser entregues antes de 8 de Julho. Em destaque ainda as declarações de Lao Ngai Leong, deputado à Assembleia Popular Nacional, sobre a política de vistos individuais. O deputado diz ainda que é preciso uma avaliação para saber se Macau tem capacidade para receber mais turistas.

 

O jornal Ou Mun puxa para tema de primeira página a eleição de Edmund Ho para o cargo de vice-presidente da Conferência Consultiva Política do Povo Chinês. Susana Chou, Eric Yeung, Lio Chak Wan e Ngan In Leng foram também eleitos ontem para o comité permanente do principal órgão consultivo da China. O jornal escreve ainda que as eleições legislativas estão marcadas para 15 de Setembro, e que o limite ao valor que pode ser gasto por cada candidatura foi fixado em 5,6 milhões de patacas.

 

Canal chinês da Rádio Macau

 

Na manhã informativa do Canal Chinês da Rádio Macau em destaque a avaliação positiva feita pelos delegados de Macau à Conferência Consultiva Política do Povo Chinês à nova liderança principal órgão consultivo da China. Ainda em destaque a última sessão de trabalhos da Conferência Consultiva Política do Povo Chinês marcada para hoje.

 

Jornais de Macau em língua portuguesa

 

“Limite em baixa” lê-se na primeira página do Hoje Macau. O Governo diminuiu ajuda monetária para as eleições legislativas de 2013, marcadas para 15 de Setembro. Em 2009 o limite era de 8,9 milhões de patacas, valor que desce agora para 5,6 milhões. Noutras chamadas de capa: ”Anima rompe de vez com o Canídromo” e “Gays querem mais direitos mesmo sem casamento”. Destaque ainda para Ricardo Araújo Pereira que diz que “esperava que presença portuguesa em Macau fosse mais palpável”.

 

O Jornal Tribuna de Macau titula “cortados 3,3 milhões para campanha eleitoral”. O Governo reviu limite máximo de gastos nas eleições legislativas de 2013. No destaque fotográfico a visita de Ricardo Araújo Pereira e Rui Zink, escritores que participam no festival Rota da Letras, ontem à Escola Portuguesa de Macau. O jornal escreve a este propósito “o riso e a escrita na EPM”. Noutros títulos de primeira página: “As novas contas para sobreviver” e “Lei anti-violência doméstica na versão Pereira Coutinho”.

 

O Ponto Final escreve em manchete “milhões à caça do voto”. Chui Sai On limitou valor a gastar na campanha para as eleições de 15 de Setembro, mas a “Associação Novo Macau, Pereira Coutinho e Agnes Lam dizem que a verba é muito alta e provoca desigualdades, para além de não haver controlo dos gastos nem de compra de votos”. Em foco ainda a visita dos dois escritores portugueses, Ricardo Araújo Pereira e Rui Zink, à Escola Portuguesa de Macau, naquele que foi no segundo dia da Rota das Letras.

 

Jornais de Macau em língua inglesa

 

O Business Daily faz manchete com a denúncia dos Estados Unidos: O Banco Delta Ásia ajuda Coreia do Norte a quebrar as sanções. O económico dá ainda conta do crescimento do sector dos casamentos e destaca o salário médio mensal dos croupiers que se fixou nas cerca de 16 mil patacas.

 

O Macau Post Daily diz que Governo agenda eleições legislativas para 15 de Setembro. A data foi anunciada ontem em Boletim Oficial. O jornal conta também que o novo chefe do Gabinete Económico e Cultural de Taipei em Macau deseja que as relações entre Macau e Taiwan sejam reforçadas. Na primeira do Macau Post Daily ainda a companhia aérea chinesa – Spring Airlines – que se prepara para vender carros a bordo.

 

O Macau Daily Times avança que invisuais pedem um centro de treino. Ainda na imagem as cerimónias no Japão de homenagem das vítimas do 11 de Março de 2011. Recuperação lenta, diz o jornal, quando o Japão assinala os dois anos passados do sismo e tsunami. O diário faz ainda referência às eleições legislativas marcadas para 15 de Setembro e o limite imposto para gastos no valor de 5,6 milhões de patacas.

 

Jornais de Hong Kong em língua inglesa

 

No South China Morning Post lê-se que a MTR Corporation é atingida pela quebra nas vendas do imobiliário. A companhia anunciou uma descida nos lucros de 6,6 por cento e as previsões para este ano são de abrandamento. Na imagem de destaque a polícia que, ontem, escoltou corpos dos residentes de Hong Kong que morreram o mês passado num acidente com um balão de ar quente no Egipto. Em foco ainda a eleição de Yu Zhengsheng como presidente da Conferência Política Consultiva do Povo Chinês.

 

A nova liderança da Conferência Política Consultiva do Povo Chinês merece hoje o grande destaque do China Daily. O jornal publica uma fotografia de Jia Qinglin, antigo presidente, a cumprimentar o seu sucessor, Yu Zhengsheng. Na edição desta terça-feira o jornal aborda ainda o “sonho da China”, uma reportagem com os deputados nacionais e conselheiros políticos sobre o futuro da China.

 

O Standard dá conta do aumento dos receios para a saúde da descoberta de cadáveres de porcos no rio Huangpu, em Xangai. Os primeiros cadáveres foram detectados na passada quinta-feira e desde então foram retirados mais de 2.800 cadáveres. Os residentes de Xangai desafiam as autoridades a beber água do rio.