Em destaque

22 de Março 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.2311 patacas e 1.1378 dólares norte-americanos.

Lionel Leong: descentralização de poder beneficiará Macau
Segunda, 11/03/2013

Lionel Leong gostou de ouvir Pequim falar na descentralização do poder. O deputado à Assembleia Popular Nacional considera que esta medida vai beneficiar as empresas de Macau. “Definitivamente, acho que os líderes nacionais demonstraram uma grande coragem com esta reforma do Estado. Talvez também seja uma boa notícia em relação à participação de Macau no desenvolvimento da Ilha da Montanha”, afirma.

 

“Em relação à burocracia, na apresentação e na aprovação de políticas, o governo vem agora dizer que, por exemplo, para os investimentos e a gestão, houve uma descentralização, o que quer dizer que deixa as autoridades locais tratarem das aprovações. Isso quer dizer que o governo local vai passar a fazer muita subcontratação para prestação de serviços com Organizações Não Governamentais (ONG). Como se sabe, na China, as ONG não estão muito desenvolvidas. Eles não prestaram esse tipo de serviços antes, mas agora abre-se esse mercado”, explica.

 

Para Lionel Leong esta falta de experiência só vai beneficiar Macau: “Olhem para Macau. O que é que temos feito na última década? Macau tem estado a entregar esses empregos, em particular para serviços médicos, check-ups, para desenvolvimento cultural. Muitas das nossas ONG têm estado a participar. Têm muita experiência em relação a como conseguir estes contratos do governo e a fazer um bom trabalho, até com menos custos do que o governo”.

 

Para Lionel Leong esta cooperação pode ser feita com a ilha da Montanha. “Porque, neste momento, as pessoas de Guangdong acham que nós precisamos do terreno deles. Desculpem, mas precisam do nosso profissionalismo, precisam da nossa experiência”, considera o deputado à APN.