Em destaque

18 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.20602 patacas e 1.1314 dólares norte-americanos.

Beltrão Coelho: Rota das Letras é “um banquete cultural”
Sábado, 02/03/2013

O Festival Literário de Macau é “um banquete de lagosta e champanhe”. É assim que o editor Rogério Beltrão Coelho avalia a segunda edição do Rota das Letras, festival que começa no próximo dia 10. Para o convidado desta semana do programa Rádio Macau Entrevista, o festival agrada enquanto consumidor de cultura, mas diz que pouco lhe adianta enquanto agente cultural.

 

“Em termos culturais, é um banquete cultural – oferecido, sobretudo, à comunidade portuguesa – de lagosta e champanhe que só é possível numa terra como Macau, onde há recursos e ainda bem que os há”, diz. “É uma iniciativa positiva e que me agrada muito como consumidor de cultura e que não me diz muito como agente cultural, porque como agente cultural não me adianta muito que venham cá escritores portugueses, que venham cá músicos portugueses”, refere. “Aquilo que como agente cultural gostaria que acontecesse era levarmos Macau ao exterior e darmos a conhecer aquilo que se faz em Macau”, explica.

 

Rogério Beltrão Coelho é o convidado desta semana do Rádio Macau Entrevista, um programa que já está disponível neste site.