Em destaque

14 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.1522 patacas e 1.1278 dólares norte-americanos.

Plano de combate a inundações deve implicar aterros
Quarta, 23/01/2013

O Governo vai avançar com um plano a longo prazo para prevenir inundações nas zonas baixas da cidade. O assunto foi ontem levado a Pequim, já que a ideia passa por criar estruturas de protecção que devem implicar aterros.

 

“Se for possível, de uma forma adequada, precisamos de alguns aterros. [A ideia é] criar algumas estruturas especiais que possam eventualmente evitar que as águas cheguem a terra”, explicou aos jornalistas o secretário para os Transportes e Obras Públicas, Lau Si Io.

 

A sugestão foi deixada ontem em Pequim, em encontros com entidades oficiais. Agora, o Executivo de Macau vai trabalhar no plano, para depois voltar a apresentar ideias às autoridades do Governo Central.

 

Nas reuniões de ontem na capital chinesa falou-se ainda na quarta ligação entre Macau e a Taipa. “No futuro, concluídos os trabalhos [do plano] dos novos aterros, e independentemente de serem túneis ou pontes, tudo isso tem a ver com águas territoriais, portanto, nos encontros que tivemos [em Pequim] abordámos esta questão”, explicou o secretário, referindo-se a uma possível ligação que parta da zona A do plano das novas zonas urbanas.

 

Lau Si Io sublinhou, no entanto, que o Governo não apresentou ainda qualquer proposta concreta quanto a esse novo acesso entre Macau e a Taipa.