Em destaque

21 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.21 patacas e 1.13 dólares norte-americanos.

Revista de Imprensa de Macau e Hong Kong (Segunda-feira)
Segunda, 07/01/2013

São vários os temas em destaque na imprensa desta segunda-feira. Os jornais de língua portuguesa abordam temas tão distintos como os planos do deputado Pereira Coutinho, as indústrias criativas e o combate à fraude com os cartões de crédito e de débito.

 

Jornais de Macau em língua portuguesa

 

O Jornal Tribuna de Macau (JTM) publica esta segunda-feira uma entrevista com José Pereira Coutinho. Diz o deputado que a sua “prioridade é lutar para que haja transparência na Assembleia Legislativa”. Noutros destaques de primeira página do JTM, “Associação de Economia prevê que PIB de Macau cresça até oito por cento” e “Julgamento do La Scala marcado para hoje com adiamento em carteira”.

 

No Ponto Final lê-se “Combate à fraude no multibanco”. A Autoridade Monetária está a negociar com os bancos novos limites para os levantamentos com cartões de crédito e de débito. Na chamada com fotografia, espaço para a artista plástica Gukzik Lau, que expõe no Armazém do Boi, com o tema “Dez propostas para melhorar as nossas vi­das”.

 

O Hoje Macau escreve em manchete “Criatividade por 200 milhões”: Governo dá luz verde à criação do Fundo de Apoio às Indústrias Criativas. O projecto, avança o jornal, ainda está em fase de revisão e deve seguir em breve para o Conselho Executivo. Noutros títulos da primeira página, “Entrada recusada a Pan Nga Koi em Singapura” e “Governo traça futuro e apresenta medidas até 2022” para a água reciclada.

 

Jornais de Macau em língua inglesa

 

“Jornalistas de Guangdong confrontam censura na China por causa de editorial”, lê-se na manchete do Macau Daily Times, que puxa para a primeira página o resultado do estudo sobre a reconstrução de São Lourenço e do Bairro do Lilau.

 

Já o Business Daily destaca que o Cotai vai ultrapassar os casinos do centro da cidade. Em foco ainda as previsões da Economist Intelligence Unit, que diz que Macau vai continuar a ser economia que mais cresce.

 

O Macau Post Daily opta por dar espaço na capa ao plano apresentado pela Capitania dos Portos, ao escrever que o Governo prepara regulamentação sobre água reciclada. Ainda na primeira página do diário, o apelo de Kwan Tsui Hang: a deputada e vice-presidente da Federação das Associações dos Operários de Macau entende que é preciso ir mais longe no combate ao tabagismo dentro dos casinos.

 

Jornais de Hong Kong em língua inglesa

 

No South China Morning Post (SCMP), a manchete faz-se com as críticas de um cirurgião às elevadas taxas aplicadas às operações a animais. O médico denuncia que uma cirurgia para tratar cataratas a um animal de estimação custa o dobro da realizada numa pessoa. Os veterinários, por outro lado, apontam o dedo ao aumento das rendas e das despesas. Ainda no SCMP de hoje, destaque para a actualidade internacional e a situação na Síria: “Plano de paz de Assad recebido com desprezo”. O jornal escreve que, “num raro discurso, o Presidente apela à mobilização nacional numa guerra contra a interferência estrangeira”.

 

O China Daily destaca a “nova lei” sobre a defesa de arguidos. De acordo com o diário oficial chinês, “os advogados vêem o seu papel reforçado”. Na fotolegenda, um bombeiro durante uma operação de regaste, depois de um acidente na autoestrada que liga Chengdu a Pengzhou.