Em destaque

18 de Abril de 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9,1616 patacas e 1,1296 dólares norte-americanos.

 

Chefe do Executivo merece segundo mandato, diz Gabriel Tong
Sábado, 01/12/2012

Fernando Chui Sai On deve ser eleito para um segundo mandato. É o que defende o deputado Gabriel Tong, que, no programa informativo Rádio Macau Entrevista, se mostra muito satisfeito com o desempenho do Chefe do Executivo. “Um segundo mandato? Cem por cento. [...] Acho que não há pessoas verdadeiramente perfeitas, mas o actual Chefe do Executivo presta muita atenção às necessidades das pessoas mais desfavorecidas e à questão de chegar a um equilíbrio, à harmonia na sociedade. Eu dou-lhe nove [numa escala de zero a 10].

Gabriel Tong mostra-se satisfeito com a prestação do líder do Governo, mas quanto a saber se estaria disponível para integrar o Executivo como secretário, prefere não entrar em especulações. Até porque, garante, isso nunca fez parte dos planos de carreira. “Nunca pensei nesse assunto. Acho que não é o meu plano, nem é nada que tenho preparado com o meu trabalho, como se fosse o destino da minha carreira. Não. O trabalho actual é a minha preocupação. [Mas se o convite chegar?] É melhor não falar neste momento sobre questões hipotéticas que estão tão longe. [Mas ser membro do Governo é algo que o motiva?] Temos de ver na altura. Se tal acontecer, vamos pensar na altura”.

Gabriel Tong diz que se sente mais académico do que político, mas entende que um académico também tem responsabilidades cívicas. “Nunca pensei que haveria oportunidade para o caminho político. O meu único objectivo na vida, desde sempre, foi ser académico. E continuo a ser um académico. Embora ache que um académico tem a honra e o dever de participar nos assuntos sociais. E, também, se tiver oportunidade para manifestar uma opinião como intelectual, também me agrada muito tentar fazer o meu melhor”, referiu.