Em destaque

21 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.21 patacas e 1.13 dólares norte-americanos.

Chan Wai Chi preocupado com dificuldades ligadas a funerais
Segunda, 12/11/2012

Paul Chan Wai Chi está preocupado com as dificuldades enfrentadas pelos residentes que têm de tratar dos funerais de familiares ou amigos. Numa interpelação escrita, divulgada hoje, o deputado da Associação Novo Macau sugere ao Governo a criação de uma casa mortuária pública, que conceda aos residentes uma alternativa.

 

Na interpelação, o deputado pergunta também ao Executivo se pode autorizar a ampliação de certos templos, de modo a permitir-lhes que disponibilizem mais lugares para guardar as cinzas. Paul Chan Wai Chi reconhece que o Instituto para os Assuntos Cívicos e Municipais já disse estar a planear, de forma gradual, a criação de mais columbários e ossários, ao longo de três anos, que disponibilizem mais quatro mil lugares à população. No entanto, o deputado defende que seja dada uma oportunidade a outros espaços religiosos, sem fins lucrativos, de contribuir para o aumento a oferta.

 

Outro ponto que preocupa o membro do Novo Macau é o facto de, actualmente, os residentes terem de se deslocar a Zhuhai para proceder à cremação do corpo de familiares ou amigos. Paul Chan Wai Chi lamenta o transtorno provocado pela deslocação e também os custos elevados do processo. Para evitar estas dificuldades, o deputado sugere ao Governo que escolha um local adequado em Macau, nas ilhas, para construir um crematório.