Em destaque

22 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.20 patacas e 1.13 dólares norte-americanos.

Chefe do Executivo já pediu melhorias nos trabalhos do metro
Segunda, 10/09/2012

O Governo vai analisar os relatórios do Comissariado de Auditoria e do Comissariado contra a Corrupção sobre o sistema de metro ligeiro, para levar a cabo as devidas melhorias, de acordo com as sugestões apontadas nos documentos. É a reacção do Chefe do Executivo às recomendações feitas pelos dois organismos.

 

Fernando Chui Sai On disse aos jornalistas ter dado já instruções ao secretário para os Transportes e Obras Públicas para que elabore um orçamento mais preciso na estimativa da despesa – na sequência das recomendações do Comissariado de Auditoria -, para apresentar mais tarde à Assembleia Legislativa, como parte integrante do orçamento geral do território para o próximo ano.

 

Quanto ao relatório apresentado pelo Comissariado Contra a Corrupção, que incide sobre os critérios usados na escolha do percurso do metro, o Chefe do Executivo explicou que estiveram em debate “diferentes percursos” ao longo do processo de consulta pública e que os serviços competentes já prometeram concluir o estudo sobre o traçado o mais depressa possível, para que depois se possa tomar uma decisão superior.

 

 Fernando Chui Sai On deixou ainda uma nota sobre o que representam as conclusões do Comissariado de Auditoria e do Comissariado Contra a Corrupção: lembrou que são “entidades fiscalizadoras”, pelo que os relatórios fazem parte das atribuições que têm, “apresentando somente sugestões e não ordens, nem decisões”.