Em destaque

18 de Abril de 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9,1616 patacas e 1,1296 dólares norte-americanos.

 

Governo anuncia novo projecto de habitação social para 2014
Sexta, 06/07/2012

Entre finais de 2014 e início de 2015 deve ficar concluído mais um empreendimento de habitação pública. Na Taipa, vão ser edificadas duas torres que disponibilizarão 694 fracções sociais. O Governo divulgou hoje o projecto e está para breve o arranque das obras.

 

Luís Carvalho, arquitecto do Gabinete para o Desenvolvimento de Infra-estruturas, indica que o concurso público para a construção é lançado na próxima semana e  que a obra “deve ser iniciada antes do final do ano”. A meta é terminar a habitação pública da Estrada Nordeste da Taipa “dentro de mais ao menos dois anos e meio”.

 

As duas torres, uma com 24 e outra com 26 pisos, irão ter muitos mais apartamentos com um quarto (495), do que com dois (155) ou com três (44). Chan Wa Keong, do Instituto de Habitação, garante que esta proporção vai satisfazer a procura. “Até final de Junho tem havia mais de 6800 agregados familiares candidatos à habitação social. A maioria dos agregados, quase 70 por cento, é constituída por uma ou duas pessoas, por isso, essa percentagem vai ocupar apartamentos T1”.

 

Os apartamentos T1, T2 e T3 têm áreas de utilização respectivamente de 36, 46 e 63 metros quadrados. Confrontado com o tamanho reduzido para as fracções sociais, Chan Wa Keong diz que o Governo “toma como referência as áreas que a lei define para as fracções económicas”.

 

Além dos apartamentos, as duas torres vão disponibilizar 600 lugares de estacionamento, nos pisos da cave, e cinco lojas. No 1º andar ficará instalado um centro para idosos e para pessoas com deficiência, não estando, para já, decidida a entidade que o vai gerir.

 

Este projecto está integrado no lote de mais de 6 mil fracções de habitação pública, que o Governo anunciou como complemento às 19 mil que ficarão concluídas até ao final do ano. Por enquanto, para a construção das cerca de 6 mil fracções estão reservados mais terrenos na Taipa e também no Fai Chi e na Ilha Verde.