Em destaque

25 de Abril de 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9,0449 patacas e 1,1156 dólares norte-americanos.

 

10 de Junho: Comunidade de Macau “é muito especial”
Domingo, 10/06/2012

A comunidade portuguesa de Macau “é muito especial”, afirmou hoje o secretário de Estado das Comunidades Portuguesas. José Cesário representou o Executivo português nas celebrações do 10 de Junho no território. Presença regular na cidade, o governante salientou que “a escolha de Macau” para a sua primeira presença na qualidade de secretário de Estado “num dia de Portugal” tem um significado: “Significa o modo como queremos trabalhar com todos vós”.

 

Recordando que Portugal atravessa hoje “um momento que não é fácil”, José Cesário disse acreditar que será possível ultrapassar esta fase – “desde que saibamos todos dar as mãos”. “Quando digo todos, digo em primeiro lugar os portugueses, todos eles, residentes lá no território nacional ou presentes em qualquer ponto do mundo. E digo igualmente os países nossos amigos, os países com quem estreitamos relações, particularmente a China, com quem temos neste momento uma relação muito especial.”

 

O secretário de Estado reafirmou ainda a vontade de regressar a Macau, “todo o Governo português”, para que Lisboa e a RAEM possam estar “mais próximas”. “Para nós, Macau é uma prioridade e será sempre uma porta privilegiada com a relação com a Grande China”, rematou.

 

Nas cerimónias oficiais do Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades, o cônsul-geral português, Manuel Cansado de Carvalho, destacou a pluralidade da comunidade. “Esta é uma comunidade portuguesa com a qual tenho orgulho de trabalhar. É única na sua pluralidade e, enquanto diplomata com décadas de serviço externo, creio poder dizer que é uma das comunidades mais bem qualificadas de todo o mundo. E tanto os antigos como os que chegam estão cá – estão cá porque trazem valor a esta cidade chinesa”, vincou.