Em destaque

22 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.20 patacas e 1.13 dólares norte-americanos.

Mais trabalhadores no sector hoteleiro e restaurantes
Sexta, 25/05/2012

O sector da hotelaria e restauração emprega cada vez mais trabalhadores enquanto nas indústrias transformadoras o número tem vindo a descer. De acordo com o inquérito às necessidades de mão-de-obra e às remunerações, publicado hoje pelos Serviços de Estatística e Censos, em finais de Março, trabalhavam no sector dos hotéis, restaurantes e similares 63.204 pessoas. Trata-se de um aumento de 17,2 por cento face ao ano passado.

 

A remuneração média do sector também subiu para 11.170 patacas, mais 4,4 por cento quando comparado com os salários praticados há um ano.

 

Em sentido ascendente está também a remuneração média dos trabalhadores das indústrias transformadoras. No primeiro trimestre um trabalhador do sector ganhava em média 7340 patacas, uma subida anual de 13,6 por cento.

 

Ainda assim o sector emprega menos pessoas. No primeiro trimestre nas indústrias transformadoras trabalhavam 11.160 pessoas, uma descida anual de 10,4 por cento.

 

Os dados hoje divulgados indicam que houve ainda um acréscimo de trabalhadores nas áreas de produção e distribuição de electricidade, gás e água bem como no sector dos seguros e das actividades de intermediação financeira.

 

Quanto às vagas de trabalho, nos restaurantes e similares havia, em Março, 3362 postos por ocupar, enquanto que o número de postos de trabalho vagos nas indústrias transformadoras foi de 1449.