Em destaque

18 de Abril de 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9,1616 patacas e 1,1296 dólares norte-americanos.

 

José Morgado defende plano a médio prazo para Macau
Quarta, 25/04/2012

O Chefe do Executivo, Fernando Chui Sai On, vai estar, amanhã, na Assembleia Legislativa, para responder aos deputados. José Morgado diz não esperar “que haja nenhuma novidade, mas nunca se sabe”.

 

O economista acredita que questões mais comuns como a habitação, o património ou mesmo a assistência aos idosos serão temas a discutir mas ainda assim José Morgado diz que gostaria que o Governo fosse mais ousado e estabelecesse “um plano a médio prazo para Macau”. Dando o exemplo dos planos quinquenais da China, o economista argumenta que “as coisas deviam ser pensadas de uma forma mais estruturada” e “não deviam ser resolvidas pelo facto de terem acontecido”.

 

Para José Morgado as respostas dadas aos problemas “acabam por não ser, por vezes, ajustadas a uma realidade mais pensada”. Por isso mesmo, diz, “o Governo devia, com base em objectivos que marcasse para cinco anos, criar um plano a médio prazo que comparava com a realidade que o território ia ter e ajustava os objectivos e políticas”.