Em destaque

22 de Março 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.2311 patacas e 1.1378 dólares norte-americanos.

Veículos em circulação caíram 0,6 por cento em 2018
Quinta, 31/01/2019
Até ao final do ano passado havia 240.145 veículos matriculados em Macau. Trata-se de uma queda de 0,6 por cento face ao final de 2017.

O número de ciclomotores desceu 10,5 por cento, mas por outro lado os automóveis ligeiros e motociclos aumentaram 0,8 e 0,9 por cento, de acordo com dados divulgados pelos Serviços de Estatística e Sensos.

No quarto trimestre de 2018 foram atribuídas matrículas novas a 3.622 veículos, tendo diminuído 27,2 por cento, em termos anuais. Em 2018 o número de veículos com matrículas novas foi de 14.509. São menos 13,7 por cento face a 2017.

Quanto aos acidentes, no quarto trimestre do ano passado foram 3.467. Uma descida de 4,5 por cento em termos anuais. Durante todo o ano houve 13.765 acidentes e também aqui houve uma descida de 6,5 por cento. Houve 4.390 vítimas, das quais dez morreram.

Já o movimento de automóveis nos postos fronteiriços nos últimos três meses do ano superou o um milhão e duzentos mil, ou seja, mais 4,4 por cento. Ao longo de todo o ano foram quase cinco milhões os automóveis nos postos fronteiriços e aqui a subida é de 2,3 por cento.

A maior parte dos veículos - cerca de 60 por cento - passou pelo Posto Fronteiriço das Portas do Cerco, apesar de o valor ter descido 3,6 por cento em comparação com o ano anterior.

Na nova ponte sobre o Delta passaram 23.574 veículos.
Quanto às embarcações de passageiros, houve 32.846 movimentos só no último trimestre (menos 5,5 por cento em termos anuais) e aqui, destaque para o decréscimo de 4,2 por cento no movimento das embarcações de passageiros entre Macau e Hong Kong. Durante todo o ano movimentaram-se 131.740 embarcações, menos 5,1 por cento do que em 2017.

No Aeroporto Internacional de Macau realizaram-se 16.320 voos comerciais no quarto trimestre, aumentando 12,5 por cento. Em 2018 foram 62.048, mais 13,1 por cento. Os voos entre Macau e a China Continental, bem como entre Macau e a Tailândia cresceram 20,9 por cento e 20,8 por cento, respectivamente, porém, os números dos voos entre Macau e a República da Coreia, assim como entre Macau e Vietname, diminuíram 15,5 por cento e 8,8 por cento.

Por fim, nota para as telecomunicações. No final de Dezembro de 2018 havia 124.101 utentes da rede fixa, uma descida de 5,3 por cento em termos anuais. Também menos 3 por cento de utentes de telemóvel (1.417.109). Os utilizadores de cartões de telemóvel pré-pagos perfizeram 65 por cento do total. Já na internet, existiam 423.507 assinantes, mais 6,8 por cento.

João Picanço