Em destaque

22 de Março 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.2311 patacas e 1.1378 dólares norte-americanos.

Fracções habitacionais custaram em média 6,8 milhões em 2018
Terça, 22/01/2019
As 10.585 fracções habitacionais transaccionadas em Macau no ano passado custaram cada uma, em média, 6,8 milhões de patacas, cerca de um milhão mais do que em 2017.

De acordo com dados dos Serviços de Finanças analisados pela TDM – Rádio Macau, em 2018 foram transaccionadas mais 133 fracções para habitação do que em 2017, representando um ligeiro aumento de 1,2 por cento.

As casas transaccionadas tinham em média 61 metros quadrados – em 2017 tinham 67 –, com um preço médio do metro quadrado de 111.237 patacas.

No ano passado, o metro quadrado mais valioso foi registado em Coloane: 137.396 patacas. Na Taipa, o valor foi de 112.176 patacas e na península 104.194 patacas.

Os dados dos Serviços de Finanças mostram ainda que, em 2018, dos 10.035 residentes que adquiriram imóveis para habitação, 1522, ou 15 por cento, tinham já mais do que uma fracção. Esta percentagem diminuiu para metade relativamente a 2017, quando 30 por cento dos residentes com um imóvel ou mais adquiriu uma fracção habitacional.

Em 2018, também diminuiu o número de não residentes que compraram casa em Macau – foram 145, contra os 194 de 2017.

Hugo Pinto