Em destaque

18 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.20602 patacas e 1.1314 dólares norte-americanos.

Macau volta a garantir qualidade das vacinas contra a gripe
Sábado, 29/12/2018
Macau não importou as vacinas onde foram detectados problemas em Taiwan, nos últimos dias. Esta semana as autoridades de Taipé identificaram mais uma vez falhas na qualidade das vacinas, o que levou à suspensão da administração de alguns lotes.

Em causa estão vacinas trivalentes anti-gripais, produzidas pela empresa francesa Sanofi. Vacinas não importadas pelos Serviços de Saúde de Macau, garantiram os mesmos num comunicado divulgado na última noite.

O organismo dirigido por Lei Chin Ion reitera que as vacinas quadrivalentes antigripais utilizadas em Macau têm diversas origens e marcas, sendo a usada principalmente produzida pelo laboratório da GSK na Alemanha. As vacinas destinadas a bebés e crianças em Macau – quadrivalentes, da marca FluQuadri – produzidas pela empresa Sanofi, mas no laboratório dos Estados Unidos (lote número U6256FF).

Os Serviços de Saúde reafirmam que as vacinas administradas em Macau são “produzidas por fabricantes de renome internacional” e “existe um rigoroso controlo das condições de transporte e armazenamento das vacinas”.

No dia 11 os Serviços de Saúde começaram a administrar gratuitamente a vacina contra a gripe sazonal de 2018-2019 a todos os residentes de Macau com idade igual ou superior a seis meses. Até ontem tinham sido vacinadas 115.765 pessoas, o que representa um aumento anual de 23 por cento.

Sofia Jesus