Em destaque

14 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.1522 patacas e 1.1278 dólares norte-americanos.

Galgos: IACM não recebeu contestação da multa à Yat Yuen
Quinta, 20/12/2018
O Instituto para os Assuntos Cívicos e Municipais (IACM) não recebeu até à data nenhuma contestação da multa de 25 milhões de patacas aplicada à Companhia de Corridas de Galgos Macau (Yat Yuen) por causa dos 509 galgos que ficaram no canídromo, após o fim a concessão das corridas.

“Não recebemos ainda. Eles querem mais dados sobre a nossa posição, e vamos tentar responder-lhes”, disse o presidente do IACM, à margem das comemorações da RAEM.

Para José Tavares, independentemente do caso que pode o IACM pode vir a enfrentar com a Yat Yuen, o mais importante é resolver o destino dos galgos que continuam no canídromo, até antes do próximo Verão.

“Neste momento temos 375 cães ainda no canídromo e segundo os dados da Anima, em Dezembro e Janeiro vão mais de 100 para os Estados Unidos. A seguir vai ser para a Europa. Estamos a bom ritmo. Julgo que com este andamento, em Maio temos o problema resolvido. Agora, outra questão é a questão ilícita que vamos ter de enfrentar com o canídromo. Essa é outra questão, mas ao menos os animais estão bem encaminhados”, afirmou.

José Tavares diz não ter ideia de quando é que a sanção administrativa contra a Yat Yuen pode ficar resolvido.

Já sobre a entrada em funcionamento, a 1 de Janeiro, do futuro órgão municipal sem poder político que substitui o IACM José Tavares diz estar tudo a postos “para uma transição suave”, fruto do trabalho iniciado há seis meses. José Tavares diz que o conselho de administração do IAM vai manter-se igual ao do IACM.

“A 1 de Janeiro vão ver a nova fachada do Instituto dos Assuntos Municipais [IAM], pronto para ser exibido”, afirmou.

No entanto, a 10 dias do final do ano, não é conhecido quem são os membros do conselho consultivo do Instituto para os Assuntos Municipais. José Tavares nada avança sobre os candidatos a membros, apenas que deverão entrar em funções a 1 de Janeiro.

“Vão ser nomeados. Ainda esta semana ou na próxima. [Devem começar] também a 1 de Janeiro. Penso que vai ser tudo publicado em Boletim Oficial na mesma altura”, adiantou.

No início do mês, a secretária para a Administração e Justiça, Sónia Chan, disse que o Governo iria analisar os currículos de 168 pessoas que se candidataram ou foram recomendados por terceiros para membros do Conselho Consultivo para os Assuntos Municipais.

José Tavares diz que é fundamental informar a população para minimizar o impacto no trânsito das obras nas vias públicas previstas para 2019. Estão previstas 57 intervenções de grande dimensão, um aumento de 35 por cento em relação ao ano passado.

“Julgo que isto tem de ser antecipado o quanto antes para a população estar preparada. E haver também uma acção conjunta para além do trânsito, com a PSP, e com a brigada do trânsito, para dar maior vazão do trânsito possível. Isto tem de ser concertado para minimizar os efeitos”, afirmou.

Este Verão o IACM levou a cabo obras para reparar o pavimento e o sistema de drenagem na avenida Almeida Ribeiro. Os trabalhos orbigraram a alterações no trânsito durante dois meses.

Fátima Valente