Em destaque

18 de Abril de 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9,1616 patacas e 1,1296 dólares norte-americanos.

 

Apenas três médicos portugueses recrutados até à data
Sexta, 21/09/2018
Até ao fim do ano deverão chegar três médicos portugueses ao território. Foi o que disse o director dos Serviços de Saúde, quando questionado sobre o processo de recrutamento de mais de 30 especialistas em Portugal.

Lei Chin Ion afirmou que três médicos já têm os processos concluídos e a luz verde do secretário para os Assuntos Sociais e Cultura, Alexis Tam. Dois dos clínicos são da área da cirurgia geral e um de pediatria, revelaram, mais tarde, em comunicado, os Serviços de Saúde.

Em Julho, o director do Centro Hospitalar Conde de São Januário tinha dito que oito médicos portugueses concluíram os processos de recrutamento e estavam prontos para vir para Macau. Nessa altura, de acordo com Kuok Cheong U, havia 15 médicos a concluírem os respectivos processos.

Desde o ano passado foram lançados dois concursos para recrutar médicos portugueses para Macau. O primeiro em Novembro, para 21 médicos de 13 áreas de especialidade: gastroenterologia, imagiologia, neurologia, nefrologia, pediatria, cirurgia geral, cirurgia torácica, cirurgia vascular, cirurgia metabólica, pneumologia, geriatria, psiquiatria e anatomia patológica.

A remuneração variava entre 82.917 patacas e 112.050 patacas, de acordo com a informação disponibilizada pela Ordem dos Médicos.

O segundo concurso foi lançado em Fevereiro deste ano para contratar mais 14 médicos para o hospital público de Macau. As especialidades médicas procuradas eram cardiologia (3 vagas), ortopedia (3), oftalmologia (3), otorrinolaringologia (2) e anestesiologia (3).

Neste concurso a remuneração foi fixada entre 84.915 e 114.750 patacas.

Fátima Valente