Em destaque

18 de Abril de 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9,1616 patacas e 1,1296 dólares norte-americanos.

 

Ambrose So: AL deve ter assento para o jogo
Segunda, 26/03/2012

O jogo deve ter um assento na Assembleia Legislativa (AL), defende Ambrose So. A sugestão foi feita na semana passada por Stanley Au, antigo deputado e presidente do Banco Delta Asia, e o director executivo da Sociedade de Jogos de Macau concorda: a principal indústria do território não está devidamente representada na AL.  

 

“Claro que concordo com a sugestão de Stanley Au que o grupo do jogo deve ter um assento na Assembleia Legislativa, porque o jogo representa uma fatia muito importante da economia de Macau. Acho que devemos ter a nossa voz”, disse, questionado pela Rádio Macau sobre o processo de reforma política.

 

Quanto à possibilidade de voltar a ser candidato nas próximas eleições legislativas, So opta por uma resposta indirecta: “Considero todos aqueles que podem falar pelo sector do jogo. Vou apoiá-los.”

 

Sobre a reforma política de Macau, o director executivo da SJM diz acreditar que já se chegou a um consenso quanto ao número de deputados a acrescentar à AL e ao número de membros da comissão eleitoral para o Chefe do Executivo. Para Ambrose So, há um cenário que não se coloca – a comparação com Hong Kong. São duas realidades distintas, vinca, e duas leis básicas diferentes.