Em destaque

14 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.1522 patacas e 1.1278 dólares norte-americanos.

CPCS discute alterações às regras de segurança nas obras
Quarta, 06/06/2018
Há acordo entre patrões e trabalhadores para a revisão das regras de segurança nos estaleiros de obras, revelou esta manhã Lam Iok Cheong, da Direcção dos Serviços para os Assuntos Laborais.

As alterações ao Regulamento de Higiene no Trabalho da Construção Civil, em vigor desde 1991, estão já a ser discutidas pelo Conselho Permanente de Concertação Social. “As duas partes concordam com a necessidade de revisão para garantir a segurança dos trabalhadores e estão de acordo em relação aos princípios gerais”, disse Lam Iok Cheong.

De acordo com a chefe do Departamento de Segurança e Saúde Ocupacional, o aumento do número de encarregados de segurança das obras é um dos pontos a ser negociado entre os parceiros sociais. A DSAL pretende também definir de forma mais clara as competências e responsabilidades deste tipo de profissionais: a ideia é que possam dar orientações directas de segurança aos trabalhadores.

O Executivo pretende ainda aumentar os critérios para a utilização de alguns equipamentos, como guindastes.
No ano passado, só no sector da construção, 755 pessoas sofreram acidentes de trabalho, nove dos quais foram mortais.

Lam Iok Cheong falou aos jornalistas depois de ter participado no programa “Fórum Macau” da Ou Mun Tin Toi.

Sónia Nunes