Em destaque

18 de Abril de 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9,1616 patacas e 1,1296 dólares norte-americanos.

 

Ar: Angela Leong pede melhorias no sistema de monitorização
Sexta, 25/05/2018
Angela Leong mostrou-se hoje preocupada com a qualidade do ar em Macau, dando conta das dúvidas de residentes sobre os sistemas de alerta e de monitorização. A deputada falava, na Assembleia Legislativa, no período de antes da ordem dia.

Na sua intervenção, Angela Leong lembrou que existem seis postos de monitorização da qualidade do ar, mas, diz, “a população alega falta de suporte científico quanto à sua localização”.

A deputada deu um exemplo: “as zonas do Parque Central da Taipa e da estação de energia eléctrica na zona norte de Macau são classificadas como zonas de elevada densidade habitacional, mas o posto de monitorização está instalado ao lado do Parque Central e longe das vias públicas principais, o que reduz o rigor dos dados recolhidos”.

A deputada considera que o Governo deve “proceder, quanto antes, à melhoria do sistema de monitorização da qualidade do ar, ao acompanhamento da localização dos aparelhos de previsão e dos postos de monitorização, cuja instalação deve ser científica e ter em conta a densidade populacional e o fluxo de veículos, com vista a reflectir, realmente, a qualidade geral do ar”.

Angela Leong considera ainda que se deve “tomar como referência o Air Quality Health Index, utilizado em Hong Kong, para disponibilizar informações detalhadas e precisas sobre a qualidade do ar em tempo real, permitindo aos residentes inteirar-se das informações e decidir sobre a adopção eventual de medidas preventivas para protecção da sua saúde”.

Marta Melo