Em destaque

21 de Agosto de 2018: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.3731 patacas e 1.1523 dólares norte-americanos.

Taça de Grande Baía é a novidade do Grande Prémio deste ano
Quarta, 16/05/2018
A 65º edição do Grande Prémio de Macau, que vai decorrer entre os dias 15 e 18 de Novembro, conta com uma nova prova. Trata-se da Taça de Grande Baía destinada a pilotos da região, segundo anunciou hoje a Comissão Organizadora do Grande Prémio de Macau (COGPM).

Segundo Pun Weng Kun, presidente do Instituto de Desporto e coordenador da COGPM, pretende-se “com esta corrida reunir as regiões da Grande Baía e assim ter mais intercâmbio a nível técnico com os pilotos de Macau”.

A edição deste ano do Grande Prémio conta com seis corridas: a Taça do Mundo de Fórmula 3, a Taça do Mundo de GT, a etapa do Mundo de Carros de Turismo, Grande Prémio de Motos, a Taça de Carros de Turismo de Macau e a Taça Grande Baía.

O orçamento para 2018 é semelhante ao do ano passado: 200 milhões de patacas.

Mais uma vez o grande patrocinador é o Suncity Group que entregou esta quarta-feira um cheque no valor de 20 milhões de patacas.

A edição do ano passado do Grande Prémio de Macau ficou marcada por um acidente mortal na corrida das motos. Pun Weng Kun diz que depois de uma visita do presidente da Ásia da Federação Internacional de Motoclismo (FIM), no início do ano, foram feitas algumas recomendações.

“Na corrida, vamos também satisfazer as recomendações do presidente da Ásia da FIM. Também sugeriu alguns ajustamentos ligeiros, mas penso que isto é apenas um trabalho muito ligeiro. Tinham feito uma boa recomendação e também disse que o circuito da Guia é muito apropriado para a corrida”, explicou Pun Weng Kun.

Marta Melo