Em destaque

22 de Março 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.2311 patacas e 1.1378 dólares norte-americanos.

Costa Nunes: APIM espera conclusões na próxima semana
Quinta, 10/05/2018
O presidente da Associação Promotora da Instrução dos Macaenses (APIM) conta ter na próxima semana os resultados do inquérito interno que o Jardim de Infância D. José da Costa Nunes abriu na sequência do caso de alegados abusos sexuais a crianças, cometidos por um funcionário do infantário. Em declarações à TDM-Rádio Macau, Miguel Senna Fernandes entende que é necessária celeridade no processo. O líder da associação diz que “seria insustentável uma situação de espera quando está em causa um caso destes”.

A notícia de que um funcionário do infantário é suspeito de abuso sexual a crianças foi avançada pelo jornal Hoje Macau. À Rádio, Miguel Senna Fernandes adianta que o caso envolve três crianças, todas da mesma sala. O Hoje Macau conta que as primeiras suspeitas datam de Outubro. Na altura, um encarregado de educação terá exposto a situação à educadora. Contudo, o suspeito continuou em funções e só agora, após novas denuncias, foi suspenso.

Confrontado com este horizonte temporal, o presidente da APIM garante que só tomou conhecimento do caso “esta semana”. À Rádio Macau, Miguel Senna Fernandes assegura que, se tivesse sido informado há mais tempo, teria agido de imediato: “Não podia ser de outra forma”, diz.
Contudo, o presidente da APIM rejeita criticar a direcção do infantário. Senna Fernandes diz que é “fundamental saber como a informação chegou à direcção”.

“Uma coisa é haver uma participação à educadora; outra, é a educadora em causa ter falado com a direcção. São coisas completamente diferentes”, afirma o presidente da APIM, que adianta que esta é uma questão que espera ver respondida no inquérito interno.

Rui Cid