Em destaque

21 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.21 patacas e 1.13 dólares norte-americanos.

Macau e Tailândia querem reforçar laços bilaterais
Quarta, 09/05/2018
O Chefe do Executivo sublinhou a intenção de Macau reforçar a colaboração com a Tailândia. “Estamos com a intenção de intensificar a cooperação e o intercâmbio em várias vertentes, nomeadamente no âmbito da educação, medicina tradicional chinesa, mercados lusófonos, entre outros, no sentido de reforçar a cooperação estratégica bilateral”, afirmou Fernando Chui Sai On.

O líder do Governo de Macau fez esta tarde numa breve declaração aos jornalistas – sem direito a perguntas – com o ministro dos Negócios Estrangeiros da Tailândia, Don Pramudwinai, no final da assinatura do memorando com a província de Phuket.

O Chefe do Executivo lembrou ainda a bolsa de estudo denominada ‘Uma Faixa, uma rota’, da Fundação Macau, “o objectivo de dar oportunidade aos jovens da Tailândia a estudar ou a continuar os estudos em Macau”.

Já o ministro dos negócios estrangeiros transmitiu a disponibilidade da Tailândia para apoiar Macau a entrar nos mercados da região, em países como o Vietname, o Laos ou o Camboja. Em sentido inverso, a Tailândia gostaria também de entrar no mercado do Sul da China, através de Macau.

Marta Melo, na Tailândia.