Em destaque

18 de Abril de 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9,1616 patacas e 1,1296 dólares norte-americanos.

 

Aumentaram dias com qualidade de ar insalubre em 2017
Quarta, 18/04/2018
No ano passado, houve um aumento do número de dias com qualidade do ar considerado "insalubre", segundo os dados hoje divulgados pelos Serviços de Estatística e Censos.
Em 2017 a estação ambiental da Taipa registou o maior número de dias com ar "insalubre" (28 dias) e um dia com ar "muito insalubre" em Setembro.

Quanto ao número de dias com qualidade do ar “bom”, apenas ocorreram aumentos anuais na estação de berma da estrada da Rua do Campo e na estação de alta densidade habitacional da Zona Norte, ou seja, mais sete dias e mais 28 dias, respectivamente.

Já a estação ambiental de Coloane registou cinco dias com excesso de partículas finas em suspensão (PM 2.5), com uma queda anual de dois dias.

As autoridades registaram ainda precipitação ácida em 66 dias.

As estatísticas oficias hoje divulgadas dão ainda conta que, em 2017, a temperatura média de foi de 23ºC, com um ligeiro aumento de 0,4ºC em relação a 2016. Em Agosto registou-se a temperatura máxima de 38ºC, a mais elevada em Agosto desde 1930.

No ano passado, a Central de Incineração de Resíduos Sólidos tratou 510.702 toneladas de resíduos sólidos urbanos, ou seja, mais 1,6 por cento, em termos anuais. Foram ainda transportados para aterro 2.933.000 m3 de resíduos de materiais de construção, isto é, menos 7,3 por cento, em termos anuais.

Marta Melo