Em destaque

19 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.16 patacas e 1.12 dólares norte-americanos.

Previdência Central: 100 pessoas pediram para aderir
Quinta, 15/03/2018
Uma centena de pessoas pediu para aderir ao regime de previdência central não obrigatório, que entrou em vigor no início do ano, segundo o presidente do Fundo de Segurança Social (FSS), Iong Kong Io.

“Temos mais de cem pedidos e, em curto prazo, esses pedidos serão tratados no FSS. Relativamente às empresas, como têm de assinar acordos com as entidades gestoras de fundos, muito em breve, creio que haverá mais empresas a aderir. Por isso, também espero que no segundo trimestre tenhamos um número certo de adesões”, explicou.

Iong Kong Io presidiu à cerimónia de adesão de sete entidades gestoras de fundos ao regime de previdência central não obrigatório. São elas a AIA Internacional Limited, a Fidelidade – Companhia de Seguros S.A., Compamhia de Seguros Luen Fung Hang- Vida, a China Life Insurance (Overseas) Company Limited, a Sociedade Gestora de Fundos de Pensões ICBC (Macau), a Sociedade Gestora de Fundos de Pensões de Macau e MassMutural Asia Limited.

Estas entidades, segundo Iong Kong Io, “disponibilizam um total de 39 fundos de pensões como instrumentos de aplicação das contribuições do regime de previdência central não obrigatório”.

O mesmo responsável sublinhou no discurso de abertura da cerimónia que “estas sete entidades gestoras de fundos já cobrem mais de 90 por cento dos empregadores que estabeleceram planos privados de pensões”.

O Fundo de Segurança Social criou uma plataforma na página electrónica do organismo que permite aos residentes obter mais informações e comparar diferentes fundos de pensões.

Marta Melo