Em destaque

18 de Abril de 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9,1616 patacas e 1,1296 dólares norte-americanos.

 

Rota das Letras: Três autores de fora, “presença inoportuna"
Segunda, 05/03/2018
Foi cancelada a presença de quatro escritores no festival Rota das Letras deste ano. A escritora norte-coreana Hyeonseo Lee não vem por razões pessoais, mas Jung Chang, autora do best seller Cisnes Selvagens, assim como James Church e Suki Kim não vão estar presentes por razões “que ultrapassam a organização”.

Hélder Beja, director de programação deste festival, numa declaração à Tdm Rádio Macau, disse que foi informado, oficiosamente, que a presença daqueles três escritores não era oportuna em Macau. “Foi-nos comunicado, oficiosamente, que não era considerada oportuna a vinda destes escritores a Macau – a Jung Chang, Suki Kim e James Church e que, por isso, não estava garantida a sua entrada no território. O festival”, explica Beja, “não quis colocar os autores nesta posição e tomou a decisão de cancelar a sua vinda. Esta situação ultrapassa, em muito, o raio de acção deste festival”.

Ao mesmo tempo que anunciava o cancelamento daqueles nomes, a organização confirmou a presença da escritora e pintora sino-francesa Shan Sa. Nascida em Pequim, em 1990, Shan Sa mudou-se para Paris para prosseguir os seus estudos. Em 1997, lançou o seu primeiro romance em francês, A Porta da Paz Celeste, que venceu o Prémio Goncourt para o Primeiro Romance, um dos mais prestigiados prémios literários de França.

Rui Cid e Carlos Picassinos