Em destaque

28 de Maio de 2018: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.5192 patacas e 1.1716 dólares norte-americanos.

Instituto Politécnico com oito novos manuais de português
Terça, 13/02/2018
O Instituto Politécnico tem oito novos livros pedagógicos para ensinar português em Macau e na China. Elaborados por professores do instituto e nalguns casos em co-autoria com docentes da China, os livros foram saindo entre Novembro e Dezembro do ano passado.

O primeiro dos novos manuais do Instituto Politécnico chama-se “De Portugal para o mundo, gentes e rotas da lusofonia”, da autoria de Jorge Carvalho Arroteia. “Tem a ver com a identidade portuguesa”, que “se fez em viagem”, diz o coordenador do Centro Pedagógico e Científico da Língua Portuguesa, Carlos André.

A segunda publicação é do professor Li Fei e é um “Manual prático de verbos portugueses português chinês”, um livro que aborda “a maior dor de cabeça dos aprendentes chineses da língua portuguesa, porque o chinês não tem tempos verbais”, explica Carlos André.

Adelina Castelo, Bruno Morelo e José Coelho de Souza assinam, em dois volumes, “Sons da fala e sons do canto”. “É um livro para ensinar fonética através das canções”, adianta o académico.

Seguem-se “Português com textos”, de Sara Augusto e Caio Christiano, “A prática do ensino de portuguges como língua estrangeira”, também de Caio Christiano e “Vocabulário do português para alunos Chineses”, de Rui Pereira.

A fechar, destaque ainda para “Escrever para diferentes finalidades”, da professora Isabel Poço Lopes.

Os novos manuais vão ser disponibilizados na Internet pelo Instituto Politécnico.

Fátima Valente