Em destaque

25 de Abril de 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9,0449 patacas e 1,1156 dólares norte-americanos.

 

Macau melhora posição no índice de segredo financeiro
Quarta, 31/01/2018
Macau ocupa o lugar 22 na classificação mundial sobre o segredo financeiro, uma melhoria em comparação com a anterior lista, de acordo com a organização não-governamental Tax Justice Network (Rede de Justiça Fiscal, em língua portuguesa).

De acordo com “Financial Secrecy Index” (Índice de Segredo Financeiro) de 2015, Macau era a 11ª na lista das jurisdições mais secretivas do mundo no que diz respeito a indicadores financeiros.

Apesar de Macau contar este ano com apenas menos dois pontos – 68, em vez dos anteriores 70 –, isso foi o suficiente para o território ter descido na classificação, passando para um posto indicando menor secretismo, na 22ª posição.

O índice, elaborado todos os dois anos pela organização sedeada no Reino Unido, classifica 112 países e territórios.

A Suíça continua a ser o país financeiramente mais opaco do mundo, seguido pelos Estados Unidos, que subiram uma posição.

As ilhas Caimão surgem no terceiro lugar, Hong Kong no quarto, Singapura em quinto e Taiwan em oitavo. Portugal, através da Madeira, aparece no lugar 64.

Em 20 indicadores analisados, Macau obteve a classificação de “extremamente secreto” em oito, incluindo “o registo de propriedade de empresas”, “propriedade de empresa pública”, “identificador de entidade legal” ou “troca automática de informações”.

Hugo Pinto