Em destaque

18 de Abril de 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9,1616 patacas e 1,1296 dólares norte-americanos.

 

Estaleiros: Um milhão em multas por violação de regras
Terça, 30/01/2018
A Direcção dos Serviços para os Assuntos Laborais (DSAL) aplicou, no ano passado, 1,30 milhões de patacas em multas por violações das normas de segurança ocupacional nos estaleiros de construção. Em 2016 o valor das multas tinha sido de 882 mil patacas.

Segundo os dados hoje apresentados, no ano passado, houve 87 ordens de suspensão de obras em estaleiros - mais 30 do que em 2016.

“Fizemos 3564 visitas a 1500 estaleiros. Emitimos 87 despachos para suspensão de obra e registámos 77 infracções graves nos estaleiros. Houve 10 acidentes de trabalho, quatro fatais”, explicou o chefe do Departamento de Segurança e Saúde Ocupacional da DSAL, Lam Iok Cheong.

Marta Melo

















Conflitos laborais: 10% dos casos remetidos para Justiça

A Direcção dos Serviços para os Assuntos Laborais (DSAL) recebeu, no ano passado, 1860 processos sobre conflitos laborais, representando uma redução de 31 por cento em comparação com os 2713 processos instaurados em 2016.
Segundo a informação, divulgada esta tarde, no ano passado, a DSAL concluiu 2143 processos.
Segundo Lei Kin Lon, chefe do Departamento de Inspecção de Trabalho, destes casos, “90 por cento dos processos foram resolvidos pela DSAL, e os restantes 10 por cento foram remetidos ao órgão judicial”.
Em 2017, foram instaurados 617 processos sobre conflitos laborais no sector da construção civil, correspondendo a uma redução de 31 por cento face aos 893 processos instaurados em 2016.
Marta Melo