Em destaque

18 de Abril de 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9,1616 patacas e 1,1296 dólares norte-americanos.

 

Casa de Vidro: IC prepara texto para concursos públicos
Terça, 30/01/2018
O Instituto Cultural (IC) pretende que a Casa de Vidro, no Tap Seac, tenha lojas culturais e criativas e uma livraria. À TDM – Rádio Macau, o organismo explica que prepara os textos dos concursos públicos para poder entregar os espaços da Casa de Vidro.

A Casa de Vidro esteve em obras durante quase um ano. Os trabalhos terminaram no último trimestre do ano passado e acabaram por custar menos do que o previsto. O contrato com a Companhia de Construção Urbana J & T Limitada previa um custo de 30,3 milhões de patacas, mas o IC, em resposta à TDM-Rádio Macau, conta que “foram aumentados e diminuídos alguns itens das obras, pelo que o custo foi reduzido cerca de 180 mil patacas”.

Os trabalhos realizados visavam “a optimização de instalações e de espaços interiores do edifício, nomeadamente, adição de berçário, recuperação e muda de elevador e peças envelhecidas de escadas rolantes, bem como a adição de vigilância exterior”.

Agora, terminadas as obras, o objectivo é tornar o centro comercial do Tap Seac em um “espaço multifuncional para as indústrias culturais e criativas”. O Instituto Cultural pretende ter neste local “lojas culturais e criativas, uma livraria e restauração típica”.

O organismo está nesta altura “na fase da preparação do texto dos concursos públicos”, não adiantando datas para que os concursos sejam lançados.

A Casa de Vidro do Tap Seac foi concluída há mais de dez anos. Em 2010 passou para a alçada do Instituto Cultural. O espaço tem vindo a ser utilizado para vários fins, como, por exemplo, actividades culturais ou espaço de ensaio para grupos de teatro locais.

Uma das salas foi disponibilizada ao Instituto de Promoção do Comércio e do Investimento de Macau, englobando um centro de convergência de negócios e de Centro de Exposição dos Produtos Alimentares dos Países de Língua Portuguesa.

Marta Melo